Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Temporada de 2011 marca despedida do trio decisivo do pentacampeonato de 2002

Ronaldo, Rivaldo e Marcos devem se aposentar no próximo ano. Até agora, sete jogadores do último título do Brasil já abandonaram o futebol

Paulo Passos, iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882141255&_c_=MiGComponente_C

O artilheiro, o melhor jogador, segundo o técnico do time, e o goleiro que salvou o Brasil na final da Copa de 2002 vão pendurar as chuteiras em 2011. Ronaldo, Rivaldo e Marcos têm contratos até o final da próxima temporada e devem abandonar os gramados nove anos depois da última conquista do Brasil em Mundiais.

Dos três, o único que coloca a aposentadoria na condicional é justamente o mais velho deles. Aos 38 anos, Rivaldo irá defender o Mogi Mirim, clube que preside, em 2011. Se estiver bem e tiver algum clube interessado ainda posso jogar mais um pouco, afirma o meia-atacante.

Getty Images
Sete dos 23 jogadores da seleção de 2002 já se aposentaram

Apontado por Luiz Felipe Scolari como o melhor jogador do Mundial de 2002, o meia-atacante não joga desde maio, quando ainda defendia o Bunyodkor, do Uzbequistão. O técnico palmeirense, inclusive, negou qualquer possibilidade do jogador retornar ao clube paulista.

Já Ronaldo e Marcos deixam claro que irão se aposentar em 2011. No início da atual temporada, o atacante afirmou que cumpriria o seu contrato com o Corinthians até o final.

Eu renovei por mais dois anos e serão os últimos de carreira. Quero dar meu máximo. Espero me divertir e terminar com conquistas importantes, disse o maior artilheiro das Copas do Mundo.

Sem jogar desde setembro, Marcos também já admitiu que a carreira será encerrada no final do próximo ano. Continuo pensando em jogar no ano que vem pelo projeto que o Palmeiras tem. Vamos ter um time forte e isso me motiva a terminar meu contrato, afirmou o goleiro.

O trio decisivo na Coréia e no Japão irá juntar a um grupo que já conta com sete jogadores. Dida, Edílson, Vampeta, Denílson, Cafu, Juninho Paulista e Luizão são os pentacampeões que já se aposentaram.
Getty Images
Destaque em 2002, Marcos já anunciou que encerra a carreira em 2011

Aos 34 anos, Roque Júnior poderia estar no grupo, mas, segundo a sua assessoria de imprensa, ele ainda não abandonou o futebol. O último time do zagueiro foi o Ituano no Campeonato Paulista deste ano.

Veja o que fazem todos os "pentas":

Aposentados

Dida
¿ Mesmo sem contrato com o Milan desde junho, segue morando na Itália. Segundo a imprensa italiana, o goleiro deve trabalhar como dirigente no clube.

Denílson ¿ Último clube do atacante foi o Kavala, da Grécia, no primeiro semestre deste ano. Atualmente, atua como comentarista na "TV Bandeirantes".

Edílson ¿ Após dois anos parado, voltou a jogar em 2010 pelo Bahia. Depois do Campeonato Estadual, deixou o time e abandonou a carreira aos 39 anos. Trabalha como empresário em Salvador.

Vampeta ¿ Se aposentou em 2008, depois de defender o Juventus de São Paulo. O ex-volante se candidatou a deputado estadual, mas não foi eleito. Atualmente trabalha como treinador.

Cafu ¿ Em 2008, deixou o Milan e voltou para o Brasil. Aos 40 anos, o capitão do penta já admitiu que não jogará mais e se dedica à fundação que leva o seu nome no Jardim Ângela, em São Paulo.

Juninho Paulista ¿ Abandonou o futebol como jogador definitivamente em abril jogando pelo Ituano, clube que preside.
Luisão ¿ Após seguidas lesões, se aposentou em 2009 e hoje trabalha como empresário.

Parados

Rivaldo
¿ Não joga uma partida oficial desde o primeiro semestre e irá voltar em 2011 defendendo o Mogi Mirim pelo Campeonato Paulista.

Roque Júnior ¿ Seu último clube foi o Ituano, no Campeonato Paulista. Aos 34 anos, procura clube ao mesmo tempo em que administra a sua equipe, o FC Primeira Camisa, de São José dos Campos.

Em atividade

Ronaldo
- Corinthians

Marcos - Palmeiras

Júnior - Goiás

Edmílson - Zaragoza

Ricardinho ¿ Atlético-MG

Rogério Ceni ¿ São Paulo

Roberto Carlos - Corinthians

Lúcio - Internazionale

Gilberto Silva ¿ Panathinaikos

Kaká ¿ Real Madrid

Anderson Polga ¿ Sporting de Lisboa

Kléberson ¿ Flamengo

Ronaldinho Gaúcho ¿ Milan

Belletti - Fluminense

Leia tudo sobre: copa do mundoronaldoseleção brasileira

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG