Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Técnico José Mourinho defende o árbitro que expulsou Casillas

"Para mim ele é um árbitro fantástico", afirmou o português sobre Mateu Lahoz, apesar da polêmica

Gazeta |

Conhecido por comentários polêmicos, o técnico José Mourinho, do Real Madrid, foi mais cauteloso em suas declarações no último domingo, logo após a vitória de sua equipe sobre o Espanyol, fora de casa, por 1 a 0. Apesar de o goleiro Iker Casillas ter sido expulso logo no primeiro minuto de jogo, o português preferiu não criticar o árbitro Mateu Lahoz.

"Continuo querendo ele em todas as minhas partidas. Não sei se (Casillas) merecia o cartão vermelho, mas até o melhor (árbitro) se equivoca. Para mim ele é um árbitro fantástico, com uma filosofia que eu gosto muito e tem o direito de errar", afirmou Mourinho.

Casillas foi expulso após sair da grande área para interceptar um lançamento para Callejón, do Espanyol. Sem conseguir alcançar a bola, o capitão da seleção espanhola até encolheu a perna na jogada, mas, segundo o juiz, o toque do arqueiro no atleta adversário foi suficiente para derrubá-lo.

A falta, na interpretação de Lahoz, foi feita quando Callejón tinha chance clara e manifesta de marcar o gol, fato que também é discutível, já que dois outros defensores do Real Madrid estavam perto do lance.

Leia tudo sobre: futebol mundialespanhareal madridjosé mourinho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG