Internacional projeta um crescimento no segundo turno. Ataque vai bem, mas a defesa está vazando

Falcão não vê nenhum time como grande favorito no início do Brasileirão. O técnico do Internacional acha que é muito cedo para apontar um time que tenha mais condições de ser campeão.

“Eu falei que as coisas iam se modificando. É um campeonato que não pode se projetar antes do primeiro turno. Acho que será um perde e ganha. Acho que nenhum time vai disparar”, projetou.

Entre para a Torcida Virtual do Inter e convide seus amigos

Grêmio tem a maior torcida do Twitter. Amplie a do Inter

Falcão tem dito com frequência que não adianta um time disparar na frente no início. Ele havia elogiado as cinco primeiras vitórias do São Paulo, mas disse que sabia que o adversário iria cair de rendimento. O objetivo do treinador é que o Inter tenha uma campanha aceitável no primeiro turno para crescer no segundo turno.

“Pensei em calcular a cada cinco ou seis jogos, mas desisti porque as coisas se modificam muito. Tem que priorizar e focar no seu time. Temos que somar pontos. No final do primeiro turno vamos ver como estará. Não gosto de ficar fazendo muitos planos”, explicou.

O Inter fez nove pontos nas seis primeiras rodadas do Brasileirão. O aproveitamento é de 50% dos pontos. O time tem o segundo melhor ataque da competição (12 gols marcados). A defesa é a 7ª pior: foram oito gols sofridos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.