Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Técnico do Hertha Berlin é demitido com 0% de aproveitamento

A terrível fase do clube e os protestos da torcida levaram a diretoria a tomar uma atitude neste domingo

Gazeta |

O time alemão Hertha Berlin anunciou neste domingo a decisão de demitir o técnico Michael Skibbe. Muito se comenta sobre os times europeus segurarem mais seus treinadores, mas o alemão resistiu no cargo de técnico por uma quantidade ínfima de partidas: cinco.

O treinador, com passagens por Borussia Dortmund e Bayer Leverkusen, deixa o clube após perder as únicas cinco partidas que disputou. Após assumir o clube na 11ª colocação em dezembro, Michael deixa o Hertha beirando a zona de rebaixamento, na 15ª posição.

Leia as últimas notícias e curiosidades do futebol germânico no Blog do Alemão

A gota d'água para a direção do Hertha foi a goleada de 5 a 0 aplicada sobre o time pelo Stuttgart na última rodada. O resultado levou um grupo de cerca de 200 torcedores à sede do clube para protestar contra o técnico, como mostrado por emissoras de televisão alemãs na manha deste domingo.

A terrível fase do clube e os protestos da torcida levaram a diretoria a tomar uma atitude neste domingo. "Após cinco derrotas seguidas e a goleada de 5 a 0 do Stuttgart, nos sentimos forçados a tomar esta decisão", declarou o diretor Michael Preetz. "Por enquanto vamos escolher um interino para treinar o clube enquanto procuramos um novo treinador", concluiu.

E mais: Borussia Dortmund goleia e chega à semi da Copa da Alemanha

Após seis meses no clube turco Eskisehirspor, Skibbe foi contratado para substituir o técnico Markus Babbe. A diretoria mostrou apoio ao oferecer contrato até 2014 para o novo ténico, mas a terrível sequência encerrou a passagem do técnico muito antes do que todos imaginavam.

Leia tudo sobre: futebol mundialalemanha

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG