Apesar de não descartar o atacante para a Copa América, Sergio Batista diz que prefere Messi ou Higuaín

O técnico Sergio Batista, da seleção argentina, ratificou que não deve convocar o atacante Carlos Tevez , artilheiro do Campeonato Inglês junto com o búlgaro Dimitar Berbatov, para a Copa América. Durante o amistoso disputado nesta quarta-feira pelas seleções B da Argentina e Paraguai, os torcedores reivindicaram insistentemente a convocação de "Carlitos" com músicas e cartazes.

"Entendo as pessoas. Entendo que peçam Tevez. É um grande jogador. José Luis Brown (auxiliar-técnico) falou com ele. Hoje possivelmente não poderá estar na Copa América, mas não quer dizer que esteja fora da equipe. Depois vêm as eliminatórias e a Copa do Mundo", disse Batista.

Lesionado, Tevez foi desfalque no amistoso disputado em Doha, em novembro de 2010, entre Brasil e Argentina, mas não enviou documentação médica alguma sobre sua contusão à Associação de Futebol da Argentina.

Tevez vive boa fase no Manchester City, com gols e título. Na seleção, porém, a coisa anda feia
AP
Tevez vive boa fase no Manchester City, com gols e título. Na seleção, porém, a coisa anda feia
Batista, porém, disse em várias ocasiões que não tem "nada pessoal" contra o atacante do Manchester City , mas, no momento, prefere Lionel Messi , do Barcelona , e Gonzalo Higuaín , do Real Madrid . O treinador não afirmou ainda que Tevez esteja definitivamente descartado da seleção argentina para o torneio que será disputado na Argentina de 1º a 24 de julho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.