Seleção de Alejandro Sabella perdeu para a Venezuela nas eliminatórias da Copa do Mundo de 2014

A Venezuela quebrou mais um tabu no futebol: derrotou a Argentina pela primeira vez na história, nesta terça-feira, em jogo válido pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2014. No lado dos bicampeões mundiais, a ordem foi buscar explicações pelo revés inédito.

O técnico Alejandro Sabella citou o desgaste como uma das causas do tropeço. Ele lembrou que a Argentina vinha de um jogo na sexta-feira diante do Chile, enquanto a Venezuela usou uma formação alternativa no mesmo dia contra o Equador.

"Pode ser que tenha ocorrido influência do calor, da umidade, da viagem. Nós tivemos apenas três dias de descanso", lastimou o técnico.

Sabella analisou os dois tempos do jogo na Venezuela de forma distinta. Na etapa inicial, o treinador aprovou o desempenho de sua equipe e controle das jogadas. Depois, reconheceu a queda de rendimento.

"Caímos de produção após um bom início no primeiro tempo e nosso adversário aproveitou, conseguiu o gol", comparou Sabella.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.