Tamanho do texto

Japonês está em ascensão no ranking da ATP e agora enfrentará o vencedor do duelo entre Andy Murray e Matthew Ebden

Na manhã desta sexta-feira, o japonês Kei Nishikori surpreendeu e conseguiu superar o ucraniano Alexandr Dolgopolov, garantindo uma classificação inédita para a semifinal do Masters 1000 de Xangai. Com uma vitória tranquila por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/3, o tenista nipônico enfrentará agora o vencedor do duelo entre Andy Murray e Matthew Ebden.

Após ter confirmado sua ascensão no ranking da ATP ao bater nesta última quinta o colombiano Santiago Geraldo, Nishikori avança à fase de semifinal em Xangai e deve entrar no top 30, alcançando assim a melhor classificação de um tenista japonês na história.

Focado, Nishikori não deu chances ao ucraniano Dolgopolov de mostrar seu tênis. Consciente e preciso, o japonês não encontrou dificuldades para fechar a primeira parcial em 6/4 ao levar vantagem em boa parte das disputas por pontos.

Apesar de anotar nove aces ao longo da partida, Dolgopolov não conseguiu se recuperar ao longo do jogo, tendo seu saque quebrado em quatro vezes em nove oportunidades. Agora, para entrar no top 30, Nishikori deve torcer para o australiano Matthew Ebden, seu possível oponente na semifinal, não sagrar-se campeão em Xangai.