Ministro herdou o cargo do antecessor justamente por suspeitas de irregularidades na pasta

Ministro Aldo Rebelo participa da Soccerex no Rio de Janeiro
AE
Ministro Aldo Rebelo participa da Soccerex no Rio de Janeiro
O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, protagonizou um momento de saia-justa em seu discurso de abertura da Soccerex, feira de negócios de futebol, no Rio, nesta segunda-feira. Ao falar sobre o futebol, o ministro citou a corrupção como um problema a ser enfrentado.

Saiba mais : Orlando Silva deixa ministério

Rebelo assumiu o cargo depois que o seu antecessor e correligionário do PCdoB, Orlando Silva, caiu justamente por suspeitas de corrupção na pasta. A Soccerex também é parceira da Fifa, que enfrentou recentemente acusações de corrupção na escolha de sedes de Copa do Mundo. O presidente da Fifa, Joseph Blatter, enviou mensagem em vídeo transmitida no evento logo antes da participação de Aldo Rebelo.

Leia também: Justiça ouvirá Orlando Silva este ano

Falando ao púlpito na cerimônia de abertura, o ministro afirmou que é preciso “denunciar a corrupção, o problema do racismo e a intolerância”.

“Todos esses acontecimentos chegam ao futebol porque são acontecimentos que ocorrem no mundo inteiro. Em um mundo de intolerância, o futebol é um espaço onde as disputas podem ser solucionadas entre adversários dentro de campo, mas sem ódio.”

Segundo Rebelo, no caminho da Copa do Mundo no Brasil, em 2014, “haverá conflito e uma contradição ou outra”, mas tudo isso deve ser resolvido “buscando a harmonia”. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.