Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Suárez promete usar ambiente hostil em Old Trafford como combustível

Atacante foi suspenso por ofensas racistas durante confronto com o Manchester United e agora reencontra o rival

EFE |

O atacante Luis Suárez, do Liverpool, afirmou nesta quarta-feira que o ambiente hostil que espera encontrar no sábado, em Old Trafford, no duelo contra o Manchester United, não o amedronta, pelo contrário, o estimula ainda mais.

Leia também: Após pedir expulsão de Suárez, Rooney discute com torcedores do Liverpool

O atacante, de 25 anos, reapareceu esta semana no Campeonato Inglês após cumprir oito jogos de suspensão por ter dito supostamente insultos racistas ao lateral franco-senegalês dos "Diabos Vermelhos" Patrice Evra em outubro do ano passado.

Suárez admitiu que o incidente fará com que se respire uma atmosfera mais "tensa" no estádio do United, mas assinalou que está "acostumado" com as vaias dos torcedores nas arquibancadas. "Sei que os torcedores do United vão tentar me fazer sentir mal no campo, mas se eles me vaiarem só vão conseguir me motivar ainda mais", disse o uruguaio.

E ainda: Suárez é suspenso por oito jogos após ofensas racistas a Evra

O atacante reiterou, além disso, seu desacordo com a suspensão de oito semanas que cumpriu: "Segundo uma lei do futebol, o que ocorre no campo fica no campo", opinou o atacante, que marcou cinco gols em 19 partidas nesta temporada.

Após o episódio ocorrido no dia 15 de outubro do ano passado, em Anfield, Suárez e Evra se reencontrarão pela primeira vez neste sábado, e espera-se que os jogadores deem a mão como de costume antes do jogo.

Suárez, que em dezembro recebeu uma partida adicional de suspensão por fazer gestos obscenos contra os torcedores do Fulham, voltou a atuar com os 'Reds' na última segunda-feira e já foi alvo de polêmica por uma entrada dura contra o meio-campista Scott Parker, do Tottenham.

A falta sobre o atleta aqueceu ainda mais o ambiente antes do jogo deste sábado, já que a estrela do United, Wayne Rooney, provocou o atacante uruguaio dizendo que ele deveria ter sido expulso.

Leia tudo sobre: futebol mundialinglaterraliverpoolmanchester unitedsuarez

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG