Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

STJD absolve Botafogo por apagão no estádio do Engenhão

Caso foi a julgamento porque o árbitro da partida, Jailson Macedo Freitas, registrou o problema na súmula

Gazeta |

Na tarde desta quinta-feira, o STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) absolveu por unanimidade o Botafogo de culpa pelo apagão no estádio do Engenhão, na partida entre o clube carioca e o Grêmio, no dia 26 de junho, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

Assim como o clube, o estádio também não foi punido e poderá receber normalmente tanto partidas do Botafogo como dos outros times cariocas.

O caso foi a julgamento porque o árbitro da partida, Jailson Macedo Freitas, registrou na súmula da partida que: "aos 32 minutos do segundo tempo de jogo, a partida foi interrompida por 25 minutos por falta de iluminação elétrica no estádio. O motivo informado pelo delegado da partida foi que a mesa controladora desarmou, impossibilitando o religamento automático, mas tendo sido feito manualmente".

Por isso, a procuradoria acusou o clube de acordo com os artigos 211 (deixar de manter o local que tenha indicado para realização do evento com infra-estrutura necessária a assegurar plena garantia e segurança para sua realização) e 191 inciso III (deixar de cumprir, ou dificultar o cumprimento: de regulamento, geral ou especial, de competição), do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

Leia tudo sobre: brasileirão 2011BotafogoEngenhãoSTJD

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG