Problema para o meia sair é o dinheiro que o time italiano está pedindo para liberá-lo

O meia holandês Wesley Sneijder colocou ponto final em uma das novelas mais longas da atual janela de transferências europeia. Segundo o jornal inglês 'The Sun', o jogador se mostrou desacreditado com a possibilidade de que qualquer clube possa conseguir o dinheiro que a Inter de Milão está pedindo para liberá-lo, e prometeu que ficará na Itália por mais uma temporada.

Sneijder teve seu nome muito falado nos bastidores do Manchester City e United. O jogador era considerado o nome perfeito para substituir Paul Scholes, que se aposentou recentemente, nos 'Red Devils', enquanto o técnico dos 'Citzens', Roberto Mancini, cogitava sua contratação caso não chegasse a um acordo com Nasri e Aguero. Com a janela de transferências se encerrando nesta quarta-feira, a tendência é de que o atleta permaneça como titular na equipe "nerazzurri".

"Eu vou ficar na Inter. Eu não acho que alguém vai conseguir me tirar daqui neste momento. Lógico que tudo é possível no futebol, mas não acredito que haja tempo para alguma coisa acontecer. Minha saída só seria concretizada pelo preço certo e eu não cheguei a conversar formalmente com nenhum clube de Manchester", afirmou o meia holandês.

Carrasco do Brasil na Copa do Mundo de 2010, Wesley Sneijder foi um dos grandes destaques da Inter de Milão na temporada passada. Precisando de dinheiro para cobrir falhas apresentadas pela equipe na última temporada, os diretores aceitaram vender o meia pelo preço estipulado, mas nenhum clube chegou a fazer uma oferta que agradasse os italianos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.