Tamanho do texto

Presidente diz que clube tem garantias para pagar, mas notícia dada pelos alemães é "equivocada"

O site oficial do Werder Bremen, da Alemanha, anunciou nesta quinta-feira que o meio-campista Wesley foi liberado para defender o Palmeiras . De acordo com o gerente de futebol da equipe, Klaus Allofs, a transferência foi concluída, já que o clube paulista apresentou as garantias bancárias exigidas. O presidente do time paulista, porém, negou o acerto: "Isso é uma notícia equivocada. Temos prazo até o final do mês para pagar, mas o pagamento ainda não foi feito. Eles estão fazendo confusão, porque ainda estamos correndo atrás do dinheiro", disse Arnaldo Tirone ao iG .

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Site do Werder não deu detalhes sobre os valores da transferência, mas anunciou a liberação de Wesley
Reprodução
Site do Werder não deu detalhes sobre os valores da transferência, mas anunciou a liberação de Wesley
O Werder Bremen, porém, vai em outra linha: "Tínhamos um acordo com os dirigentes do Palmeiras há algum tempo. Agora, todas as garantias bancárias quer eram necessárias para a transferência foram recebidas", confirmou Allofs. No futebol estrangeiro desde 2010, quando saiu do Santos , Wesley disputou 26 partidas no Campeonato Alemão e fez dois gols. Ele já vem treinando normalmente na Academia de Futebol nas últimas semanas.

CAMPANHA: Wesley grava vídeo para tentar deslanchar doações ao Palmeiras

O time alviverde pagará o clube alemão em três parcelas de 2 milhões de euros cada, totalizando 6 milhões de euros (aproximadamente R$ 13,5 milhões) pela transferência. Também está em curso uma campanha de crowdfunding (doações de torcedores via internet) para ajudar a pagar o custo da contratação. Até o momento, a campanha arrecadou cerca de R$ 500 mil. Segundo Arnaldo Tirone, o projeto continua normalmente.

MAIS CAMPANHA: Ídolo, Evair entra na onda e grava vídeo para campanha de Wesley

Ajude o Palmeiras a aumentar sua torcida virtual