Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Siemsen assume presidência do Fluminense

O aguardado anuncio da contratação do goleiro Diego Cavalieri durante a cerimônia acabou não ocorrendo

Gazeta |

Peter Siemsen, eleito presidente do Fluminense para os próximos três anos, tomou posse nesta segunda-feira, em cerimônia realizada no Salão Nobre das Laranjeiras. Ainda há uma indefinição quanto ao anúncio do diretor de futebol de sua gestão, que deve acontecer na quarta-feira. Alcides Antunes, que exerce o cargo atualmente, tem boas chances de ficar.

Ricardo Martins, vice-presidente geral, Idel Halfen vice de marketing e publicidade, José Mohamed, vice administrativo, Carlos Eduardo Lopes Cardoso, vice de interesses legais, Marcelo Adler Cheniaux, vice de finanças, Sandro Pinheiro Lima, vice de esportes olímpicos, Sérgio Galvão, que será responsável pela parte médica, e Roberto Ferreira Guimarães, tesoureiro, também foram empossados no evento.

Chegou-se a especular que um novo reforço pudesse ser anunciado nesta cerimônia, mas o presidente voltou a dizer que seu foco, no momento, não é esse. Antes mesmo de assumir, ele já estava trabalhando nos bastidores, mas concentrava seus esforços nas questões financeiras do clube, que sofre para quitar dívidas antigas. Diego Cavalieri, cujo anúncio era esperado, fica para depois.

No entanto, Peter Siemsen deu uma boa notícia aos presentes e mais uma vez falou sobre o novo centro de treinamento que planeja construir. Segundo ele, um terreno na Zona Oeste do Rio de Janeiro está sendo analisado e deve ser adquirido em breve. O advogado bateu nesta tecla durante a campanha que culminou com vitória esmagadora sobre Júlio Bueno, candidato da situação.

 

Leia tudo sobre: FluminensePeter Siemsen

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG