Com a partida deste domingo, a quinta na Arena, Sete Lagoas supera Ipatinga em Atlético-MG x Cruzeiro

O clássico deste domingo, às 18h, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro vai ser o quinto Atlético-MG x Cruzeiro na Arena do Jacaré. Assim, Sete Lagoas vai se tornar a cidade do interior que mais vezes recebeu a maior partida do futebol mineiro, superando o Ipatingão, que também recebeu quatro clássicos. Nas quatro partidas anteriores, um equilíbrio, com duas vitórias para cada equipe, diante de sua torcida ou não.

Veja a classificação e a tabela de jogos do Brasileirão

Desde o fechamento do Mineirão , ficou decidido que Sete Lagoas seria a casa do futebol de Belo Horizonte até a reabertura do Estádio Independência , que também passa por reformas. Por conta da pouca capacidade da Arena do Jacaré, apenas 18 mil lugares, ficou decidido que apenas a torcida do mandante pode acompanhar as partidas.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

Em quatro partidas entre Atlético-MG e Cruzeiro na Arena do Jacaré, cada time tem duas vitórias
Flickr/Clube Atlético Mineiro
Em quatro partidas entre Atlético-MG e Cruzeiro na Arena do Jacaré, cada time tem duas vitórias
Siga o Twitter do iG Cruzeiro e receba notícias do time em tempo real

O primeiro clássico, em agosto do ano passado, teve vitória do Cruzeiro por 1 a 0 , com gol de Wellington Paulista, num estádio repleto de atleticanos. Depois da passagem por Uberlândia, o clássico voltou para Sete Lagoas com vitória do Atlético-MG por 4 a 3 , com três gols de Diego Tardelli diante da torcida do Cruzeiro. Foi então que chegou a final do Mineiro e finalmente o mando de campo valeu. O Atlético-MG venceu o primeiro jogo por 2 a 1 e o Cruzeiro o segundo por 2 a 0 , ficando com o título do estadual.

Entre para a Torcida Virtual e convide seus amigos

Presente nos quatro clássicos já disputados em Sete Lagoas, o técnico Cuca , então no Cruzeiro, sabe bem o que espera o Atlético-MG nesta partida. Por isso ele pede que a torcida alvinegra esteja ao lado do time, já que a partida vai ser de muito equilíbrio. “Se a gente tem algum ponto forte, é o torcedor. A gente pede para que ele tenha compreensão com a equipe. Vamos dar o máximo para vencer e com a ajuda deles, fica mais forte. É o nosso time, é o que temos e vamos apoiar. Se Deus quiser, vamos fazer um grande jogo e vencer”.

Apesar de contar com a ajuda da torcida, que já esgotou os ingressos mais baratos, Cuca diz que a partida não tem favorito. Para o treinador atleticano, o momento ruim da sua equipe não é uma vantagem para o Cruzeiro nesta partida. “ Não tem favorito. Mesmo quando estava no Cruzeiro eu nunca achei que tinha favorito. Não vejo que tenha, mesmo no momento pior que estamos, não acho que o Cruzeiro seja favorito. Nem nós, por sermos mandantes, não somos favoritos”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.