Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Sérgio Soares lamenta pênalti para a Lusa: "Só o Seneme viu"

"Pelo primeiro tempo da Portuguesa e pelo nosso segundo tempo, acho que o resultado foi justo", afirmou o treinador, após o jogo

Gazeta |

O técnico Sérgio Soares, do Grêmio Barueri, não quis reclamar muito da arbitragem após o empate em 1 a 1 com a Portuguesa, neste sábado. Segundo e considerou o resultado justo, somente o árbitro da partida, o paulista Wilson Luiz Seneme, viu a penalidade máxima que culminou no gol da Lusa.

"No primeiro tempo, a Portuguesa foi melhor, mas no segundo o Barueri melhorou muito e saímos na frente. AÍ teve o pênalti que só o Seneme viu. Mas, pelo primeiro tempo da Portuguesa e pelo nosso segundo tempo, acho que o resultado foi justo", afirmou o treinador, após a partida.

A jogada da qual o técnico se refere foi aos 14 minutos do segundo tempo, apenas um depois do gol do Grêmio-SP, quando Douglas derrubou Luís Ricardo na área e Marcelo Cordeiro empatou na cobrança do pênalti.

"O juiz entendeu que no lance da Portuguesa foi pênalti, mas, na minha concepção, isso acontece em todas as jogadas na área. Quando você sobe, você vai colocar o braço onde? Ele não teve intenção", analisou.

A jogada foi bastante parecida à que saiu o gol do Barueri, mas o treinador acredita que, naquela oportunidade, o árbitro acertou. "O [Marcos] Pimentel puxou. Eu vi do banco", contou.

Leia tudo sobre: portuguesabarueriprudentesérie b 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG