Treinador trocou o time português pelo Chelsea e não comanda o time na decisão da Supertaça de Portugal

Após uma temporada recheada de conquistas, o Porto encara o Vitória de Guimarães neste domingo, às 17 horas (de Brasília), no Estádio Municipal de Aveiro, próximo de Lisboa, na decisão da Supertaça de Portugal. O confronto é tradicionalmente disputado entre o campeão português e o ganhador da Taça de Portugal. Porém, desta vez, como o Porto venceu os dois campeonatos, vai decidir com o vice da Taça de Portugal, o Guimarães.

Em relação ao time que conquistou quase tudo o que disputou em 2010/2011, o Porto não terá uma importante figura: o técnico André Villas-Boas. O bom trabalho no time português o credenciou a iniciar um ciclo em um grande europeu, o Chelsea, da Inglaterra.

Em seu lugar, assumiu seu assistente técnico Vítor Pereira. Cercado de incertezas, o novo comandante não tem dúvidas de sua capacidade. Para ele, que afirmou gostar de "viver desafios constantes", o Porto deverá manter sua caminhada vitoriosa.

"Cheguei na hora certa ao clube certo e com as pessoas certas. Está tudo reunido para mais uma temporada de sucesso. E não tenho dúvidas de que será", afirmou o comandante, que não deverá fazer mistério na equipe que atuará no domingo.

Entre os 11 que começam no domingo, três brasileiros: o goleiro Helton, além dos atacantes Kléber e Hulk. O último foi um dos grandes destaques da equipe na temporada passada, juntamente com o Falcao García, tendo marcado 40 gols em 59 jogos. Agora, o atacante espera manter o bom momento que o credenciou a convocações para a seleção brasileira.

"O objetivo esse ano é continuar com a mesma média, sempre fazendo gols. Até porque atacante vive de gols e eu para poder ter oportunidades, principalmente na seleção, tenho que estar bem no clube. Essa pré-temporada foi boa e vou procurar manter essa sequência de jogos e de gols para poder ter novas chances na seleção", cravou o atacante, que não espera facilidades no domingo."Vai ser uma grande final, em que não podemos facilitar, até porque é só um jogo e um erro pode ser grave. É procurar estar concentrado para poder ganhar novamente esse título. Eu que já ganhei dois títulos de Supertaça com o Porto e quero ganhar o terceiro agora", completou Hulk, que, em quatro anos no clube, já obteve oito conquistas.

Pelo Vitória de Guimarães, a equipe se apega na sua única conquista da Supertaça, em 1988, em que bateu exatamente o Porto, rival do domingo. Segundo o técnico, Manuel Machado, após jogos equilibrados na temporada passada, sua equipe tem chances de desbancar o atual campeão português.

"Na temporada passada, disputamos três jogos de muito equilíbrio. A final da Taça de Portugal [o Porto venceu por 6 a 2] foi um jogo particular, equilibramos muito bem as coisas, exceto no mais importante, que é a finalização. Encaro este encontro com o Porto com a mesma confiança de antes. Tenho a ambição de conquistar a Supertaça", cravou o comandante.

Caso o confronto deste domingo termine empatado, acontecerá uma prorrogação. Persistindo a igualdade, o campeão será conhecido nas cobranças de pênaltis.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.