Tamanho do texto

Integrantes da Mancha Verde utilizaram camisa branca, com a palavra “luto” e o nome dos torcedores mortos em briga com corintianos

Torcida do Palmeiras homenageia torcedores mortos após briga antes do clássico contra o Corinthians
Gazeta Press
Torcida do Palmeiras homenageia torcedores mortos após briga antes do clássico contra o Corinthians
A FPF (Federação Paulista de Futebol) impediu que a principal torcida uniformizada do Palmeiras utilizasse uniforme e bandeiras no estádio Jaime Cintra, em Jundiaí, na noite desta quarta-feira. Mas integrantes da Mancha Verde não deixaram de comparecer ao jogo do clube contra o Paulista.

Leia mais: João Vítor rouba a cena e garante vitória do Palmeiras contra o Paulista

Os torcedores utilizaram camisa branca, com a palavra “luto” escrita nas costas em tinta verde. Já na frente, os palmeirenses estamparam André e Zulu, em referência aos dois torcedores mortos em briga com corintianos. Mesmo sem uniforme, a agremiação de palmeirenses cantou músicas já conhecidas e citando seu nome.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Guilherme Vinicius Jovanelli Moreira (que era conhecido como Zulu) e André Alves Lezo morreram em decorrência de confronto entre integrantes da Mancha Verde e Gaviões da Fiel, no domingo, antes do clássico entre Corinthians e Palmeiras.

Por consequência do episódio, a FPF emitiu comunicado em que anunciou a proibição da entrada das duas organizadas nos jogos das equipes.

Entre para a torcida virtual do Palmeiras: