Atletas terão programa de condicionamento físico especial por grupos, mas tempo é considerado curto

AE
Robinho e Maicon, que acabaram a temporada recentemente, terão preparação especial, assim como outros atletas
Em entrevista coletiva realizada em um hotel da zona Sul do Rio de Janeiro, nesta terça-feira, os médicos da seleção brasileira , José Luis Runco, Serafim Borges, e o preparador físico Carlinhos Neves, comentaram como será a preparação física dos jogadores até a estreia do Brasil na Copa América, no dia 3 de julho, contra a Venezuela, em La Plata, na Argentina.

Aprovados nas avaliações cardiológicas, exames físicos e avaliações ortopédicas, os jogadores começarão os trabalhos de condicionamento físico na próxima quarta-feira. Para o preparador da seleção, Carlinhos Neves, o tempo é curto e os jogadores terão que seguir programas individualizados para que alcancem o mesmo patamar físico durante a competição.

"Não sei se é o tempo ideal, mas é o tempo que temos e vamos procurar aproveitar da melhor maneira possível. Dentro disso, teremos metas possíveis para serem utilizadas. Os treinamentos serão específicos para cada grupo ou até mesmo para cada jogador. A gente pretende respeitar o que já é feito nos clubes e nesse período de um ano na seleção brasileira", disse Carlinhos Neves.

O preparador físico explicou que os jogadores se apresentaram em graus variados de condicionamento, já que alguns estão em final de temporada e outros estão no meio dela. Para Carlinhos, a ajuda dos clubes, enviando relatórios, também é fundamental.

"Os jogadores trazem relatórios dos últimos 14 dias, material que os clubes fornecem com tudo que envolve seus treinamentos e exercícios. No dia a dia, também vamos estreitando, nos aproximando dos atletas e diminuindo a margem de erro na carga de trabalho, dividindo em parte tática, física e técnica", explicou Carlinhos Neves.

O Brasil embarca para a Argentina na tarde desta terça-feira. A seleção ficará concentrada na província de Los Cardales. A estreia acontece no próximo dia 3 de julho, contra a Venezuela, em La Plata. Depois, os comandados do técnico Mano Menezes terão o Paraguai e o Equador pela primeira fase da competição.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.