Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Sem Robben e o artilheiro Huntelaar, Holanda enfrenta a Hungria

Seleções se enfrentam em Budapeste, nessa sexta-feira, pelo Grupo E Eliminatórias da Eurocopa 2012

Gazeta Esportiva |

A Holanda pode dizer que conseguiu quatro vitórias nas quatro primeiras rodadas do Grupo E das Eliminatórias da Eurocopa graças ao atacante Huntelaar, do Schalke 04. Dos 12 gols marcados pela seleção laranja, oito foram do jogador. Sendo assim, o técnico Bert van Marwijk tem muito o que lamentar, pois seu camisa 9 não vai participar do duelo com a segunda colocada Hungria nesta sexta-feira, às 16h30 (horário de Brasília).

Huntelaar machucou o joelho, e dará chance ao colega Robin Van Persie, do Arsenal, no estádio Ferenc Puskas, em Budapeste. Ele será titular da Holanda pela primeira vez nas Eliminatórias e precisa mostrar a mesma boa forma do clube. Embora tenha feito 49 gols em 97 jogos nas últimas cinco edições do Campeonato Inglês, média de 0,5 tentos por partida, pelo time nacional balançou as redes apenas 19 vezes em 52 duelos. Na Copa do Mundo da África do Sul, foi titular no comando de ataque, mas marcou em apenas uma oportunidade.

Outro problema importante é o meia Arjen Robben. Machucado antes do Mundial de 2010, o jogador do Bayern de Munique jogou no sacríficio, e desfalcou o clube bávaro em todo o segundo semestre, causando sérias discussões entre a diretoria alemã e a Federação Holandesa. Para evitar novos entreveros, as dores na coxa o tiraram da partida.

Ao menos, o meio-campo terá o retorno do volante Nigel de Jong, do Manchester City. Ele foi cortado da seleção em 2010 por ter quebrado a perna do meia Hatem Ben Arfa, do Newcastle. Ao seu lado, jogará Rafael Van der Vaart, do Tottenham, jogador mais experiente do elenco com 28 anos e 88 aparições com a camisa laranja.

A Hungria, por sua vez, faz boa campanha de três vitórias em quatro partidas, e busca voltar à Eurocopa pela primeira vez desde 1972, quando ficaram na quarta colocação. O time do técnico Sandor Egervari não perde desde que enfrentou a Suécia, em setembro do ano passado. Nesse período, foram três triunfos, com 12 gols marcados e apenas dois sofridos.

Embora o confronto entre as duas equipes seja geralmente equilibrado, com cinco vitórias húngaras, seis holandesas e dois empates, a vice-campeã mundial leva uma enorme vantagem nos duelos mais recentes. Nos últimos dois confrontos, goleou por 6 a 1 em 2010 e por 7 a 1 em 1994. A última vez que a Holanda não venceu a Húngria foi em 1984.

Áustria pega a Bélgica para se aproximar da Alemanha

Com sete pontos, a Áustria é vice-líder do Grupo A das Eliminatórias, a cinco pontos da líder Alemanha. No entanto, como tem um jogo a menos, uma vitória sobre a Bélgica, nesta sexta-feira, às 16h30, no estádio Ernst Happel pode diminuir a diferença para apenas dois pontos.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG