Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Sem paciência, corintianos hostilizam Adriano antes de amistoso

Após nova falta, torcedores xingaram "Imperador" antes de partida contra a Portuguesa

Bruno Winckler, iG São Paulo |

Após homenagens a Sócrates, no jogo de troca das faixas entre Corinthians e Portuguesa, no Pacaembu, nesta quarta-feira, os torcedores corintianos nas arquibancadas xingaram e entoaram cantos contra o atacante Adriano, que na terça-feira faltou ao treino da equipe. O mais recente ato de indisciplina do jogador esgotou a paciência da grande maioria de corintianos presentes no estádio municipal. Adriano foi vetado para a partida.

"Adriano, c*, fora do Timão", "ôôô, a paciência acabou" e "Adriano vai se f*, o Coringão não precisa de você", foram alguns dos gritos entoados pelas torcidas organizadas e logo reproduzidos pelos torcedores de outros setores do estádio.

Com apenas cinco jogos desde março e longe de entrar em forma para ajudar a equipe neste ínício de ano, Adriano não tem mais o apoio irrestrito da diretoria, que antes da última falta do jogador, tratava de minimizar o pouco interesse de Adriano na sua recuperação.

Na terça-feira, o presidente em exercício Roberto de Andrade disse que Adriano dá indícios de que não está interessado em ter seu vínculo prolongado com o clube. Seu contrato acaba em julho. O técnico Tite, no mesmo tom, disse que não adianta a comissão técnica e todo o corpo clínico e de preparadores físicos quererem ajudar Adriano se ele mesmo está disposto. "Ele tem que querer", disse Tite.

Por causa da ausência de Adriano, Tite vetou o jogador do amistoso contra a Lusa. O jogador se reapresentou nesta quarta-feira e treinou com outros jogadores que não foram aproveitados na última partida antes da estreia da equipe no Campeonato Paulista, sábado, contra o Mirassol no Pacaembu.

 

 

Leia tudo sobre: corinthiansadriano

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG