Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Sem Nívea Stelmann e vaiado nos jogos, Elano pode deixar o Brasil

Após pênaltis perdidos, o meia foi vaiado por torcedores de Santos, Atlético-PR e Vasco nos últimos jogos

Samir Carvalho, iG Santos |

Apesar de conquistar dois títulos – Campeonato Paulista e Copa Libertadores da América – pelo Santos nesta temporada, a situação do meia Elano no Brasil não é das melhores. Recentemente, o atleta viu o fim do romance com a atriz Nívea Stelmann e sofreu com um assalto e tentativa de sequestro na casa de seu pai. Se não bastasse, o meia perdeu os últimos dois pênaltis que cobrou, e foi vaiado pelas torcida de Santos, Atlético-PR e Vasco nas últimas partidas que atuou.

Por tudo isso, Elano conversou com dirigentes santistas e expõe sua atual situação. A conversa foi parecida com sua última entrevista coletiva , e o camisa 8 deixou a entender que pode deixar o clube. No entanto, nenhuma proposta chegou para o jogador, e surgiu apenas um boato que o Anzhi Makhachkala. da Rússia, estava interessado no atleta.

Siga o Twitter do iG Santos e receba as notícias do time em tempo real

Desta forma, a saída de Elano só poderá ser concluída caso apareça um clube do exterior interessado em seu futebol. A diretoria santista aposta na experiência do atleta fora do Brasil, onde atou no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, Manchester City, da Inglaterra, e Galatasaray, da Turquia.

Após o duelo contra o Flamengo, que culminou no pênalti perdido com “cavadinha” nas mãos do goleiro Felipe, Elano reconheceu a péssima semana que estava vivendo, e ameaçou deixar o Santos por causa da atitude da torcida , que o vaiou durante a partida contra os cariocas.

“Prefiro ir embora. Tenho uma história muito bonita, não quero que seja apagada por algo de errado que fiz dentro de campo. Estou vindo aqui para pedir desculpas aos torcedores. Peço que eles tenham paciência e me respeitem. São cinco anos, quatro títulos, dois históricos. Hoje eles estão com razão, mas peço respeito”, disse o jogador na época.

Entre para a Torcida Virtual do Santos e convide seus amigos

A situação de Elano não melhorou nas próximas partidas. O atleta também foi prejudicado pela queda de rendimento do time. Porém, Elano foi o único vaiado nas duas últimas derrotas do Santos – contra Atlético-PR e Vasco. O curioso é que o meia não foi vaiado pelos santistas, mas pelos torcedores adversários, que não esqueceram o pênalti perdido pelo jogador na Copa América da Argentina.

Elano foi o primeiro a errar na disputa por pênaltis contra o Paraguai, onde a seleção brasileira não marcou nenhum gol nas cobranças e foi eliminado pelo adversário nas quartas de final da competição.

Em meio às polemicas no futebol, o jogador teve o sítio da família em Iracemápolis, interior de São Paulo, invadido por bandidos. Após os ladrões perceberem entre os artigos roubados que tinha assaltado o sítio do jogador, voltaram no dia seguinte para tentar sequestrar o pai de Elano.

AE
Elano utilizou a "cavadinha" e voltou a desperdiçar cobrança de pênalti no duelo contra o Flamengo

Leia tudo sobre: santoselanonívea stelmannbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG