Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Sem grandes aspirações, Atlético-PR valoriza briga pelo quinto lugar

Como Grêmio e Botafogo, que estão imediamente à frente, se enfrentam, o tima paranaense subirá uma posição se vencer o Avaí

Gazeta Esportiva |

Conseguir a classificação para a Copa Libertadores já não é mais possível para o Atlético-PR. Sendo assim, o técnico Sérgio Soares trabalha a equipe para enfrentar o Avaí, na Arena da Baixada, na última rodada do Brasileirão, tentando valorizar a quinta posição para motivar seus jogadores.

"Sempre é bom vencer, até por ser o último jogo do campeonato. Quem sabe podemos conquistar o quinto lugar, dependendo do resultado do jogo entre Grêmio e Botafogo", disse o treinador, lembrando que gaúchos e cariocas, respectivamente quarto e quinto colocados, se enfrentam no Olímpico.

Como haverá um confronto direto entre as equipes que estão imediatamente à frente, o Furacão depende de uma vitória por qualquer resultado para conquistar seu objetivo. Seria a quarta melhor campanha da equipe no história do Brasileirão - inferior apenas ao segundo lugar obtido em 2004, ao título de 2001 e à terceira posição de 1983.

O atacante Guerrón e o volante Deivid estão suspenso pelo terceiro cartão amarelo e não poderão entrar em campo. Deivid, inclusive, está entregue ao departamento médico para tratar uma lesão na coxa e sua presença seria duvidosa mesmo que estivesse liberado. O atacante Nieto, que faz fisioterapia no tornozelo, é dúvida.

Leia tudo sobre: atlético-prcampeonato brasileiro

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG