Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Sem empolgar a torcida, Inter derrota o Santa Cruz

Com pouco público, clube da capital voltou a ter atuação fraca e vence com gol de Ricardo Goulart

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Vipcomm
Ricardo Goulart voltou a fazer gol
O Internacional repetiu contra o Santa Cruz o que já havia feito no meio da semana contra o Porto Alegre. Teve uma atuação discreta e conseguiu uma vitória simples.

Quem decidiu o jogo também foi o mesmo personagem: O meia-atacante Ricardo Goulart. Ele fez de peixinho o gol da vitória de 1 a 0 ainda no primeiro tempo. Goulart também tinha feito o gol contra o Porto Alegre.

O técnico Enderson Moreira optou pelo esquema tático 4-2-3-1 e o Inter mais uma vez não teve boa produtividade. O Santa Cruz achou espaço no ataque e chegou a criar algumas chances de gol. Todas as oportunidades do Inter no primeiro tempo foram originadas por cruzamentos. Aos 38 minutos Massari alçou a bola na área e Ricardo Goulart, de peixinho, abriu o placar.

O lateral-esquerdo Massari foi expulso logo no início da segunda etapa e o Inter teve de administrar o placar. O Santa Cruz levou algum perigo, mas não chegou ao empate.

Com a segunda vitória seguida o Inter chegou aos 6 pontos em 3 jogos e assumiu a liderança do Grupo 1. O time aguarda os resultados da rodada para ver se seguirá entre os 4 primeiros que se classificam para a próxima fase.

Os próximos dois jogos serão longe de casa. Na quarta-feira, 20 horas, o Inter visita o Inter de Santa Maria; e no domingo, dia 30, tem o clássico Gre-Nal na cidade uruguaia de Rivera. O Santa Cruz recebe o Ypiranga de Erechim na quarta-feira.

O jogo:
O Inter repetiu no primeiro tempo a atuação das outras duas partidas no Campeonato Gaúcho. Um time discreto em campo e criando poucas oportunidades de gol. Os melhores momentos aconteceram em cruzamentos para a área.

nullAos 23 minutos o atacante Guto ganhou da defesa pelo alto, mas o arremate saiu fraco nas mãos do goleiro Rodrigo. Aos 34 minutos foi o zagueiro Ronaldo Alves que acertou a cabeçada, mas também sem muito perigo. A insistência deu resultado aos 38 minutos: Massari acertou bom cruzamento e Ricardo Goulart entrou de peixinho para fazer Inter 1 a 0.

O time de Enderson Moreira começou o segundo tempo buscando mais um gol. Porém, aos 8 minutos o Santa Cruz conseguiu um bom contra ataque. O lateral-esquerdo Massari chegou para matar a jogada. O árbitro deu a vantagem, o atacante Cecel perdeu o gol, mas o jogador do Inter acabou expulso pela falta.

Apesar da superioridade numérica o adversário não conseguiu igualar o marcador. Aos 24 minutos o atacante Guto cobrou falta e o goleiro Rodrigo defendeu. Aos 29 o Santa Cruz quase empatou: Muriel afastou mal e o volante Natan salvou o gol quase em cima da linha. O time do interior perdeu outra oportunidade aos 37 após cruzamento da esquerda.

FICHA TÉCNICA - INTERNACIONAL 1X 0 SANTA CRUZ

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 22 de janeiro de 2011, no sábado
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Bertanha Barison
Auxiliares: José Inácio de Souza e Leandro José Alflen
Renda: R$ 29.550,00
Público: 3297 (2323 pagantes)
Cartão amarelo: Régis (Santa Cruz)
Cartão vermelho: Massari (Inter)

GOLS:
Internacional: Ricardo Goulart, aos 38 minutos do primeiro tempo

INTERNACIONAL: Muriel; Daniel, Rodrigo Moledo, Ronaldo Alves e Massari; Juliano, Augusto, Wagner Libano (Mineiro), Marquinhos (Marinho) e Ricardo Goulart (Natan); Guto.
Técnico: Enderson Moreira.

SANTA CRUZ: Rodrigo; Régis. Luis Henrique, Valdemar e Vinícius; Xipote (Paulinho Pedalada), Alejandro, Cristiano (Osmar), Vâiner (Emerson Bala) e Maico Gaúcho; Cecel.
Técnico: Paulo Porto.

Leia tudo sobre: InternacionalCampeonato Gaúcho 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG