Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Sem casa, Palmeiras manda jogo em dois estádios na mesma semana

Time enfrenta Linense em Barueri e Bragantino no Canindé; jogadores minimizam problemas

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

O Palmeiras sente bastante a falta do Palestra Itália. Sem poder contar com sua casa própria, o time já testou vários lugares e, nesta semana, mesmo com o mando de campo, jogará duas vezes em lugares diferentes. Primeiro, na quarta-feira, enfrenta o Linense na Arena Barueri. Depois, no sábado, joga contra o Bragantino no Canindé. A situação de trocar de estádio toda hora não incomoda Chico e Cicinho.

Os jogadores afirmam que as pequenas mudanças que acontecem por causa da troca do local não chegam a mudar o estilo de jogo e comemoram o fato do torcedor palmeirense comparecer independente do estádio.

“A torcida vai onde nós jogamos. Não importa onde é o jogo, o importante para nós é ter a torcida apoiando. Isso (trocar de casa) atrapalha um pouco por causa das dimensões do campo e pelo tipo de grama, mas a nossa equipe está bem confiante. Já no jogo contra o São Caetano a gente viu que a torcida esteve lá”, disse Chico.

Cicinho tem um discurso bem parecido com o de Chico. Para ele, mudar a grama e um pouco as dimensões do campo são coisas que não podem ser justificativas para uma possível derrota nos dois próximos jogos.

Ele destaca a importância que será vencer os dois próximos jogos para que o clássico contra o Santos no dia 3 de abril tenha bem menos impacto na classificação do Campeonato Paulista.

“Independente do lugar, teremos dois jogos complicados agora. O Linense brigando para não cair e depois o Bragantino. Depois, se a gente ganhar esses dois jogos, o empate contra o Santos pode até ser um bom resultado”, ressaltou o camisa 2.

Leia tudo sobre: palmeiraschicocicinho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG