Tamanho do texto

Ídolo argentino retrucou às declarações de Pelé de que Messi precisar ser melhor do que Neymar para ser comparado ao 'Rei do Futebol'

A troca de farpas entre as lendas do futebol, Pelé e Maradona, parece não ter fim. Nesta quinta-feira, o argentino voltou a ironizar o brasileiro, a respeito das declarações do ex-jogador do Santos, que afirmou nesta semana que antes de compará-lo com Messi, o atacante do Barcelona precisaria ser melhor do que o santista Neymar .

Leia mais: Pelé diz que primeiro Messi tem de ser melhor do que Neymar

Maradona voltou a criticar Pelé após comparação entre Messi e Neymar
Getty Images
Maradona voltou a criticar Pelé após comparação entre Messi e Neymar
Maradona, atual treinador do Al Wasl, dos Emirados Árabes, a comparação é uma "estupidez". "Meu Deus! Pode ser verdade que o Neymar seja o melhor jogador do mundo, mas, desta forma, poderíamos dizer que o Messi é de outro planeta", afirmou o ex-atacante argentino, campeão mundial pela Argentina em 1986.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Messi , que recentemente se tornou o maior artilheiro da história do Barcelona , tem sido ponto de constante discórdia entre Maradona e Pelé. O ídolo brasileiro já disse que o atacante do Barça precisaria "marcar 1283 gols e ganhar três Copas do Mundo" para ser feita uma comparação entre eles. O ídolo do Boca Juniors retrucou e afirmou que a idade atrapalha Pelé.

Confira ainda: "Brasil não ganhou porque nunca joguei", diz Pelé sobre Olimpíadas

Maradona também já havia afirmado que o tricampeão mundial havia tomado os remédios errados ao considerar, pouco antes do Mundial de Clubes, que o camisa 11 do Santos era melhor que Messi. No encontro entre os dois em dezembro de 2011, quem levou a melhor foi o argentino.Na ocasião, o Barcelona goleou o Santos por 4 a 0 e ficou com o título mundial .

Embora constantemente troquem farpas, Pelé afirmou nesta semana que não tem Maradona como adversário . "Vocês (jornalistas) ficam falando que eu sou rival do Maradona, mas isso não é verdade. Eu nunca fui rival dele", ressaltou o ex-jogador, durante o lançamento do livro "Santos FC - 100 anos de futebol arte", concluiu Pelé.

*Com Gazeta