Colônia está em busca de um novo mandatário e o heptacampeão mundial de Fórmula 1 aparece como nome forte

O Colônia está em busca de um novo presidente para dirigir o clube, e um dos nomes que apareceu com força após a reunião do conselho para dirigir o time alemão é o do piloto Michael Schumacher, heptacampeão da Fórmula 1 e que atualmente corre pela Mercedes. O cargo está vago desde a saída de Wolfgang Overath, em 13 de novembro.

Leia mais notícias sobre o futebol germânico no Blog do Alemão

Schumacher e Podolski, astro do Colônia
Getty Images
Schumacher e Podolski, astro do Colônia
Em entrevista para o diário "Bild", o ex-prefeito da cidade de Colônia, Fritz Schramma, e que faz parte da diretoria da equipe, confirmou que o piloto está cotado para assumir o clube. "É verdade. Existe uma lista de nomes e o de Schumacher aparece como um bom perfil. Ainda vamos nos reunir em 20 de dezembro para debater isso", disse o político.

Leia mais notícias de Fórmula 1

Além de Schumacher, que é amigo pessoal do atacante Lukas Podolski , astro da equipe, outro esportista é cotado para assumir o comando do Colônia. O ex-jogador de handebol Heiner Brand, famoso na Alemanha por ser campeão mundial em 1978 como atleta e em 2007 como treinador, é outro nome que figura na lista que tem 20 candidatos.

O Colônia atualmente ocupa a 10ª colocação da Bundesliga com 21 pontos, 13 a menos que o líder Bayern de Munique. E o próximo compromisso da equipe no Campeonato Alemão é justamente contra o primeiro colocado da tabela, na Allianz Arena, em partida válida pela última rodada do primeiro turno da competição.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.