Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

São-paulinos dão a Carpegiani mérito pelo melhor ataque do Estado

Reconhecido nas últimas temporadas pela força da defesa, time agora se destaca pelo poderio ofensivo

Levi Guimarães, iG São Paulo |

Vice-líder do Campeonato Paulista com um ponto a menos que o Palmeiras, o São Paulo está no topo do futebol do Estado quando o critério é o número de gols marcados. Com a goleada por 4 a 1 sobre o Noroeste no último domingo, o time superou o Santos e agora tem o melhor ataque entre os times paulistas, com 38 gols marcados. E os jogadores destacam o papel do técnico Paulo César Carpegiani para que essa marca fosse alcançada.

“Acho que o principal motivo para isso é o técnico. A gente às vezes pega técnicos que gostam mais de um sistema defensivo, outros preferem sistema ofensivo. O Carpegiani nos dá total liberdade para atacar. A defesa fica um pouco mais vulnerável, mas a gente confia nos defensores, eles confiam na gente e vamos trabalhar para que os dois setores estejam bem”, afirmou o atacante Marlos.

De fato, como citado pelo jogador, o sucesso do ataque reflete numa menor eficiência da zaga. Sempre entre as melhores defesas do Brasil entre 2006 e 2009, o São Paulo já havia demonstrado uma queda nesse critério na temporada passada. E em 2011, por enquanto, tem apenas o quinto melhor aproveitamento entre os times do Estado, atrás de Palmeiras, Corinthians, Ponte Preta e Oeste.

Os próprios defensores, porém, procuram ver os aspectos positivos do novo estilo são-paulino. “Nosso ataque não tem nem o que falar. É muito rápido, muito veloz. Não só quem começa jogando, mas quem está no banco também. Quem entra dá conta do recado e por ter tanto atacante a gente está indo bem nisso”, disse o zagueiro Rhodolfo.

Na fase eliminatória do torneio Estadual, o jogador não acredita que as estatísticas terão papel relevante. “O Palmeiras (melhor defesa) está sofrendo poucos gols e a gente está marcando bastante. Os dois tem excelentes grupos, mas também tem outras boas equipes e quem errar menos vai se dar melhor”, disse sobre o favoritismo na luta pelo título paulista.

Vale lembrar que todo esse sucesso do ataque são-paulino foi alcançado mesmo antes da estreia do camisa 9 Luis Fabiano. Por enquanto, os gols estão bastante distribuídos entre todos os jogadores, mas Marlos acredita que com a estreia do atacante ele deve se tornar o principal “matador” da equipe.

“A gente fica feliz por bastante gente marcar gols, isso mostra a qualidade do nosso elenco e do trabalho. Vamos fazer muitas jogadas pro Luis, que é um cara definidor de jogada, finalizador. Vamos fazer as jogadas pra ver se ele consegue fazer muitos gols”, disse.

Leia tudo sobre: são paulocampeonato paulista 2011carpegianimarlos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG