Piris, que está a servindo a seleção paraguaia, pode desfalcar o São Paulo no próxima quarta-feira, contra o Internacional

Um dos favoritos para garantir vaga à Copa do Mundo de 2014 , o Paraguai estreou nas Eliminatórias Sul-americanas perdendo por 2 a 0 para o Peru, fora de casa, sexta-feira. O lateral direito Iván Piris , do São Paulo , assumiu a culpa pelo primeiro dos dois tentos anotados por Guerrrero e ainda disse que sair em desvantagem foi primordial para a derrocada de sua seleção.

"Foi um erro meu, não vi nada e tentei passar para Samudio. Infelizmente, essa jogada terminou em gol", comentou o defensor, que diz se considerar um dos melhores marcadores da América. "Se nós tivéssemos feito o primeiro gol, acho que seria mais fácil, porque eles jogariam no desespero", acrescentou, em entrevista à rádio paraguaia 970 AM .

Iván Piris, lateral direito do São Paulo, que está defendendo seu país nas eliminatórias para a Copa-2014
Vipcomm
Iván Piris, lateral direito do São Paulo, que está defendendo seu país nas eliminatórias para a Copa-2014

"Tentamos fazer nosso jogo, mas o Peru nos superou. Foi muito difícil trocar passes, eles cortavam muito rápido. A atenção que eles tiveram não nos permitia fazer a transição entre a defesa e o ataque, eles pressionaram bastante e não conseguimos fazer o que queríamos", acrescentou Piris, que foi advertido com um cartão amarelo na segunda etapa.

Na terça-feira, o Paraguai enfrenta outro favorito: o Uruguai, às 20h15 (de Brasília), em casa. Piris deve começar como titular mais uma vez e, desta forma, desfalcará o São Paulo na partida do dia seguinte, contra o Internacional, na Arena Barueri.

A seleção paraguaia tem outros dois conhecidos do torcedor brasileiro: o ex-lateral direito Arce é o treinador e, além de Piris, convoca Wilson Pittoni, do Figueirense, que foi a campo no segundo tempo do duelo contra os peruanos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.