Tamanho do texto

Presidente do Grupo Pão de Açúcar declarou ser favorável à troca de treinadores e espera por alguém competente

A torcida são-paulina pediu e a diretoria atendeu. Após a derrota do domingo por 3 a 0 diante do Atlético-GO, Adilson Batista não resistiu e foi demitido . Entre aqueles que elogiaram a atitude da direção estava Abilio Diniz.

Leia também: Adilson Batista pede desculpa aos são-paulinos

O presidente do Grupo Pão de Açúcar, são-paulino que tem como toque de celular o hino do clube, declarou em seu perfil Twitter que aprovou a demissão do técnico, que não vinha conseguindo bons resultados no tricolor paulista.

São Paulo é 6º no Brasileirão. Confira a classificação atualizada

"Acho que o Juvenal Juvencio fez bem em demitir Adilson Batista. Não importa se ele era o grande culpado, mas é preciso mudar", concordou o nono homem mais rico do Brasil .

Abílio Diniz é um dos torcedores aliviados com o fim da era Adilson Batista no São Paulo
Reprodução
Abílio Diniz é um dos torcedores aliviados com o fim da era Adilson Batista no São Paulo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.