Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

São Paulo volta a ter pênaltis polêmicos não marcados a seu favor

Como aconteceu na vitória sobre o Prudente, derrota para o Paulista foi marcada por reclamações

Levi Guimarães, iG São Paulo |

No último domingo, as reclamações vieram mesmo depois de uma vitória. O São Paulo bateu o Grêmio Prudente por 3 a 0, mas dois supostos pênaltis não marcados em cima de Juan e Henrique renderam críticas do técnico Paulo César Carpegiani à arbitragem e até um protesto oficial do São Paulo enviado à Federação Paulista de Futebol.

Na noite desta quarta-feira, diante do Paulista, em Jundiaí, as decisões da arbitragem voltaram a incomodar os são-paulinos. E, pior para a equipe da capital, desta vez os são-paulinos podem dizer que se as marcações tivessem sido feitas o placar final, de 3 a 2 para os anfitriões, poderia ser diferente.

Os dois lances polêmicos aconteceram ainda no primeiro tempo, quando o Paulista vencia por 1 a 0. Na primeira jogada, aos 24 minutos, Dagoberto tentou jogada individual, trombou com o zagueiro e caiu na área. Ele reclamou, mas aceitou rapidamente a decisão do árbitro Flávio Rodrigues Guerra.

A reação, porém, foi diferente dez minutos depois. Fernandinho invadiu a área rival com a bola dominada e estava passando pelos dois últimos marcadores, Henrique e Eli Sabiá, mas acabou derrubado. O árbitro, mais uma vez, nada marcou.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG