Lateral paraguaio Piris poderá estrear no time paulista, enquanto do lado carioca, Juninho e Prass atingem marcas expressivas

O São Paulo foi ultrapassado pelo Flamengo na tabela do classificação e tentará, neste domingo, recuperar a vice-liderança do Campeonato Brasileiro. Para isso, o time precisa vencer o Vasco , no Morumbi, pela 13ª rodada do torneio. Os paulistas superaram o Coritiba no meio de semana e tentam embalar de vez na competição. Já os cariocas, que empataram com o Bahia em casa no último jogo, quer o triunfo para encostar nos líderes. Para a equipe cruzmaltina, só o título interessa, uma vez que já está garantida na Libertadores de 2012.

Goleiro Fernando Prass fará seu 100º jogo seguido
Fotocom
Goleiro Fernando Prass fará seu 100º jogo seguido
Siga o iG São Paulo e o iG Vasco no Twitter

Adilson Batista tem algumas dúvidas para escalar o São Paulo e poderá ter novos jogadores nas duas laterais. Com Juan suspenso, o treinador ainda não definiu quem entra pelo lado esquerdo. Henrique Miranda é o jogador de ofício no setor, mas o zagueiro Luiz Eduardo é o favorito. Carlinhos Paraíba e Cícero também podem atuar, porém, com menos chances.

Entre para a Torcida Virtual do seu time e convide os amigos

"Posso colocar os dois (Henrique Miranda e Luiz Eduardo), posso dar uma segurada com um, dar uma liberdade para outro. Tem o lado da bola área, o lado do contra-ataque. Tudo isso é pensado. Quando coloquei o Carlinhos, ele é um jogador que já fez a função e tinha um auxílio no setor. E eu tinha um jogador a maior. O Cícero foi lateral esquerdo comigo no Figueirense", avaliou o comandante.

Pelo lado direito, Adilson deverá promover a estreia do recém-contratado Iván Piris . O lateral direito paraguaio já está regularizado e, se entrar mesmo como titular, Jean será deslocado para o meio de campo, substituindo Denilson, expulso contra o Coritiba. "O Jean é versátil, pode ser o primeiro volante, segundo volante, lateral, tem um potencial muito grande e pode ajudar em várias posições", completou o treinador.

O meio-campista Lucas , que neste sábado participou do sorteio das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, no Rio de Janeiro, está confirmado no ataque ao lado de Dagoberto. O experiente meia Rivaldo , de 39 anos de idade, também está escalado e começará sua 5ª partida seguida como titular, sem ter o descanso previsto pelo próprio atleta.

No Vasco, a dúvida está na lateral esquerda . Com a expulsão de Márcio Careca, o técnico Ricardo Gomes faz mistério, a exemplo do rival Adilson Batista. O treinador ainda não decidiu entre o volante Jumar, jogando improvisado, ou Julinho, ex-Avaí, contratado para a posição após a saída de Ramon, mas por ora utilizado pelo treinador como meia.

Goleiro Fernando Prass fará seu 100º jogo seguido
Fotocom
Goleiro Fernando Prass fará seu 100º jogo seguido
Para o goleiro Fernardo Prass , o jogo tem um gostinho especial. Ele vai atingir duas marcas pessoais importantes . Será o 150º jogo com a camisa do Vasco, sendo o 100º consecutivo. Desde que chegou ao clube, em 2009, o goleiro ficou fora apenas de uma partida, em fevereiro de 2010. Juninho Pernambucano também alcança uma marca expressiva: 300 jogos pelo cruzmaltino.

O duelo contra o São Paulo é cercado de grande expectativa. O meia Juninho Pernambucano terá um aguardado confronto com Rogério Ceni, seu companheiro na Copa do Mundo da Alemanha, em 2006. Ambos são excelentes cobradores de falta, mas o vascaíno espera estar com a pontaria calibrada. Sobre o goleiro são-paulino, o meia disse que o capitão do adversário está entre os melhores do mundo.

“Como goleiro, é um dos melhores do Brasil. Muito bom tecnicamente. Como batedor de falta, está entre os melhores do mundo. Rogério, além de um atleta excelente, é um ótimo caráter. Eu convivi com ela na Copa e sei bem que ele representa. Mas, no jogo de domingo, espero estar melhor, e que ele não acerte o gol contra a gente”, declarou Juninho.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO x VASCO

Local : Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o Morumbi, em São Paulo
Data : 31 de julho de 2011, domingo
Horário : 16h (de Brasília)
Árbitro : Paulo Godoy Bezerra (SC)
Assistentes : Kleber Lucio Gil e Angelo Rudimar Bechi (ambos de SC)

SÃO PAULO : Rogério Ceni, Piris, Xandão, Rhodolfo e Luiz Eduardo (Henrique Miranda); Wellington, Carlinhos Paraíba, Jean e Rivaldo; Lucas e Dagoberto. Técnico : Adilson Batista.

VASCO : Fernando Prass; Fágner, Dedé, Anderson Martins e Jumar (Julinho); Rômulo, Juninho Pernambucano, Felipe e Diego Souza; Alecsandro e Eder Luis. Técnico : Ricardo Gomes.

*Com informações de Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.