Jogo contra o Santos, porém, pode mudar de data por conta de Corinthians x Palmeiras

Adalberto Baptista, diretor do São Paulo
AE
Adalberto Baptista, diretor do São Paulo
Ainda faltam duas rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro , mas o São Paulo já está preocupado com a logística para o duelo contra o Santos , na última partida do torneio nacional. A capital paulista poderá receber dois clássicos no mesmo domingo, causando preocupação para a Polícia Militar na questão de segurança dos torcedores.

Siga o iG São Paulo no Twitter

Corinthians x Palmeiras, que a princípio seria em Presidente Prudente, não deverá acontecer no interior do estado, já que a partida poderá decidir o campeão do campeonato. Apesar do acordo entre as duas diretorias, o alvinegro vai preferir mandar o jogo no Pacaembu e fazer uma eventual festa do título em casa.

São Paulo está em 7º no Brasileiro. Veja como está a classificação do torneio

Com isso, cogita-se a possibilidade de mudar o duelo entre São Paulo e Santos para outro local, fato que não agrada os dirigentes são-paulinos. "Não trabalhamos com nenhuma hipótese diferente de ser no Morumbi esse jogo na última rodada", disse o diretor de futebol Adalberto Baptista.

E MAIS: Rhodolfo revela conversa com Juvenal Juvêncio após queda de rendimento
LEIA TAMBÉM:
Preocupado com Assunção, São Paulo treina bola aérea na defesa

Uma outra possibilidade é transferir o jogo contra o Santos de domingo para sábado, no Morumbi. Mas, para isso, se o São Paulo ainda estiver brigando pela vaga na Libertadores, os outros times que também chegarem ao último jogo com chances de ir para a competição continental, têm que atuar no sábado.

"Se mudar para sábado e o São Paulo ainda estiver brigando, vamos querer que os outros times na briga pela Libertadores também joguem no mesmo dia", finalizou Adalberto. A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) ainda aguarda a definição da penúltima rodada para se posicionar sobre o assunto.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e deixe o clube em 1º lugar

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.