Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

São Paulo mostra otimismo na permanência de Ricardo Oliveira

Diretoria admite que contratar o atacante em definitivo é ¿impossível¿, mas planeja prorrogar o empréstimo junto ao Al-Jazira por seis meses ou um ano

Levi Guimarães, iG São Paulo |

A torcida são-paulina e o técnico Paulo César Carpegiani podem ganhar uma ótima notícia sobre a temporada 2011 antes mesmo do final do Campeonato Brasileiro. Isso porque, segundo a diretoria do clube, é boa a possibilidade de o atacante Ricardo Oliveira continuar no elenco.

O atacante tem vínculo contratual com o Al-Jazira e teria de voltar ao time dos Emirados Árabes após o atual período de empréstimo ao São Paulo, que se encerra em dezembro. Mas o próprio jogador já manifestou o desejo de permanecer no Brasil e a diretoria agora trabalha para tentar acertar um novo acordo com o clube árabe.

Nunca é fácil. Todos viram o tempo para a contratação de Fernandão, Ilsinho. Mas estou otimista. Esperamos renovar o empréstimo por um período entre seis meses e um ano, porque de forma definitiva é impossível. Eles pagaram um valor muito alto pelo jogador, afirmou o diretor de futebol João Paulo de Jesus Lopes.

Na tarde desta segunda-feira, o diretor e o superintendente de futebol Marco Aurélio Cunha compareceram ao treino do São Paulo no CT da Barra Funda e, após a atividade, conversaram com Carpegiani e com o atacante para explicarem sobre o andamento das negociações.

Fui conversar para deixar o Paulo a par do que está acontecendo, que estamos tentando mantê-lo. E foi importante também que o Ricardo estava junto. Nós temos uma cláusula de privilégio, mas não de renovação automática. Não existe nada que diga que, se depositarmos um determinado valor, teremos a prorrogação. É necessário negociar, explicou João Paulo.

Essa é a segunda passagem de Ricardo Oliveira pelo São Paulo. Na primeira, em 2006, ele veio emprestado pelo Bétis, da Espanha, disputou doze partidas e marcou seis gols. Em 2010, as duas marcas já foram superadas, com 15 jogos disputados e oito gols feitos.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirofutebolsão paulo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG