Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

São Paulo goleia o Noroeste e se mantém na briga pela liderança

Time da capital recebe o Oeste na última rodada e ainda pode superar o Palmeiras. Noroeste segue ameaçado de rebaixamento

Gazeta |

Mesmo sem poder contar com cinco titulares, o São Paulo foi a Bauru, goleou o Noroeste por 4 a 1 e se manteve com chances de conquistar a liderança da primeira fase do Campeonato Paulista. Aproveitando a fragilidade do adversário, que luta contra o rebaixamento, o time não deu show, mas dominou a partida desde o primeiro tempo e conquistou uma justa vitória.

nullDepois de perder um pênalti contra o Santa Cruz, na última quarta-feira, o goleiro Rogério Ceni voltar a ter uma penalidade para cobrar, e desta vez não desperdiçou, abrindo o placar aos 36 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, o Noroeste teve França expulso, e a vantagem são-paulina se ampliou com tentos de Marlos e Dagoberto. Pouco depois, Aleilson fez o gol de honra do Noroeste, mas Ilsinho, em um lindo chute de fora da área, transformou a vitória em goleada.

Na última rodada da competição, que terá todos os seus jogos às 16 horas do próximo domingo, o São Paulo receberá o Oeste, na Arena Barueri, enquanto o ameaçado Noroeste vai até Itu em briga direta contra a degola.

O jogo

Apesar de não apresentar um futebol vistoso, o São Paulo aproveitou a sua melhor qualidade técnica para se impor na partida desde o início. Armando a equipe, Rivaldo tomou conta das bolas paradas, que levaram perigo à meta do goleiro Yuri.

Logo aos quatro minutos, o pentacampeão mundial cruzou para a área e Gleidson, tentando afastar o perigo, quase anotou um gol contra. Um pouco mais tarde, em nova cobrança de Rivaldo, Casemiro se antecipou à defesa e mandou a bola no travessão do Noroeste.

Mesmo precisando do resultado, o Noroeste demonstrava ineficiência no setor ofensivo e não conseguia concluir bem as poucas jogadas criadas. Por outro lado, o meia Rivaldo, mesmo sem se movimentar muito, seguiu aparecendo para o jogo e teve a oportunidade para abrir o placar aos 25 minutos, quando aproveitou jogada de Marlos pela direita e chutou de três dedos por cima do gol.

De tanto insistir, o São Paulo conseguiu marcar o seu gol depois de um pênalti cometido por Márcio Gabriel, que empurrou Junior Cesar dentro da área quando a bola já estava perto do goleiro Yuri. Na cobrança, Rogério Ceni, que havia desperdiçado a sua penalidade na quarta-feira, contra o Santa Cruz, trocou a cavadinha pela pancada no canto direito e anotou o seu 101º gol como profissional.

No segundo tempo, o Noroeste bem que tentou iniciar uma pressão para reverter a desvantagem, mas dois lances em sequência acabaram com as esperanças da equipe de Bauru: após puxar a camisa de Junior Cesar, França recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo. Logo em seguida, na cobrança da falta, Dagoberto chutou forte na barreira, mas Casemiro aproveitou a sobra e tocou para Marlos, já dentro da área, concluir para o fundo das redes do goleiro Yuri.

Depois de marcar o seu, Marlos arrancou pela esquerda e serviu Dagoberto dentro da área. Sem dominar a bola, o atacante encheu o pé para marcar o terceiro gol do São Paulo. Em seguida, Aleilson diminuiu para o Noroeste após linda arrancada pelo lado direito, mas Ilsinho, que entrou no segundo tempo, definiu o placar aos 45 minutos, em lindo chute de fora da área que acertou o ângulo de Yuri.

FICHA TÉCNICA
NOROESTE 1 x 4 SÃO PAULO

Local: Estádio Alfredo de Castilho, em Bauru
Data: 10 de abril de 2011, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Maria Eliza Correia Barbosa
Assistentes adicionais: Philippe Lombard e Regildênia de Holanda Moura
Cartões amarelos: Carlinhos Paraíba e Casemiro (São Paulo); Da Silva, França, Hernani, Márcio Gabriel e Otacílio Neto (Noroeste)
Cartão vermelho: França (Noroeste)

Gols:
São Paulo: Rogério Ceni, aos 36 minutos do primeiro tempo; Marlos, aos 15, Dagoberto, aos 30 e Ilsinho, aos 45 minutos do segundo tempo
Noroeste: Aleilson, aos 33 minutos do segundo tempo

NOROESTE: Yuri; Halisson, Da Silva (Hernani), Cris e Márcio Gabriel; França, Thiago Ulisses, Diego (Aleilson) e Gleidson; Vandinho (Giovanni) e Otacílio Neto
Técnico: Jorge Saran

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Jean; Xandão, Rhodolfo e Júnior César; Casemiro (Ilsinho), Rodrigo Souto, Carlinhos Paraíba e Rivaldo (Willian José); Marlos e Dagoberto (Cleber Santana)
Técnico: Paulo César Carpegiani

Leia tudo sobre: são paulonoroestecampeonato paulista 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG