Paulistas jogam pelo empate, mas querem marcar gol no começo do jogo para dificultar a vida dos anfitriões

Gazeta Press
São Paulo levou a melhor sobre o Avaí na primeira partida das quartas de final da Copa do Brasil
A vitória por 1 a 0 no jogo de ida, semana passada no Morumbi, deu ao São Paulo a vantagem de jogar por um empate contra o Avaí nesta quinta-feira em Florianópolis para conquistar uma vaga na semifinal da Copa do Brasil . Porém, mesmo assim, a equipe paulista promete ir para cima dos catarinenses nesta quinta-feira, às 21h50 (horário de Brasília) - mais cedo, às 19h30, o Vasco encara o Atlético-PR . Afinal, marcando um gol, os donos da casa precisariam de pelo menos três para se classificar.

Siga o iG São Paulo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

“O São Paulo não é time para ficar atrás e segurar o resultado. Temos que tentar um gol, que complicaria ainda mais a vida deles, então vamos para cima, porque é assim que o São Paulo joga”, disse o meia Lucas , que volta ao time depois de cinco jogos fora, mas faz questão de frisar que não se vê como “salvador da pátria” .

O placar do primeiro jogo, apesar de trazer uma vantagem, é perigoso. Nas últimas três vezes que venceu por um gol de diferença o primeiro confronto de um mata-mata jogando em casa, o São Paulo acabou eliminado na partida de volta . Apesar disso, o volante Casemiro , por exemplo, reconhece que o favoritismo está todo do lado são-paulino .

Para obter sucesso em Florianópolis, uma das grandes preocupações do técnico Paulo César Carpegiani nos últimos dias de treinos foi com a pontaria do ataque. Depois de marcar apenas dois gols nos últimos três jogos, o treinador promoveu atividades específicas de finalização nos últimos dois dias .

Em relação à escalação, além de contar com os reforços de Rhodolfo e Lucas, o São Paulo tem os defalques de Miranda , que nem foi relacionado por conta de um entorse no tornozelo esquerdo, e de Ilsinho , que viajou para a Suíça para participar de uma audiência contra seu ex-clube, o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia .

Na defesa, Xandão substituirá Miranda e formará o trio de zaga ao lado de Rhodolfo e Alex Silva . E no setor ofensivo, a única dúvida é entre Marlos e Fernandinho . O segundo está voltando de uma fratura na perna direita e, na semana passada, Carpegiani disse que ele começaria o jogo no banco . Contudo, nos últimos dois treinos coletivos o camisa 12 treinou no time titular e pode começar a partida .

nullDo lado do Avaí, os maiores problemas na briga pela classificação continuam sendo os desfalques consequentes da confusão na partida das oitavas de final contra o Botafogo . O meia Marquinhos e o atacante Rafael Coelho seguem cumprindo suspensão imposta pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) e ficam fora do jogo. Apenas o zagueiro Bruno , que conseguiu efeito suspensivo, poderá jogar.

O técnico Silas ainda deixou dois mistérios no ar em relação à sua equipe titular. Na defesa, a dúvida é entre Emerson Nunes e Revson . E no ataque, entre Evando e Robinho . O segredo, porém, deve ser mantido até pouco antes do jogo, já que os últimos treinos do Avaí aconteceram com portões fechados para a imprensa .

FICHA TÉCNICA - AVAÍ X SÃO PAULO

Local: estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 12 de maio de 2011, quinta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Márcio Chagas da Silva (RS)
Assistentes: Marcelo Bertanha Barison e José Eduardo Calza (ambos de RS)

AVAÍ: Renan; Emerson Nunes (Revson), Bruno e Gustavo Bastos; Diogo Orlando, Marcinho Guerreiro, Acleisson, Estrada, Robinho (Evando) e Julinho; William
Técnico: Silas

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Xandão, Alex Silva e Rhodolfo; Jean, Casemiro, Carlinhos Paraíba, Lucas e Juan; Fernandinho (Marlos) e Dagoberto
Técnico: Paulo César Carpegiani

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.