Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

São Paulo é a equipe que menos finaliza no Campeonato Brasileiro

Falta de objetividade e de uma referência na área são evidentes. Além de chutar pouco, o time é o lanterna no quesito cruzamentos

Mário André Monteiro, iG São Paulo |

Um dos maiores problemas da irregular campanha do São Paulo no Campeonato Brasileiro é a falta de objetividade nos jogos, principalmente quando joga em casa, onde tem um aproveitamento abaixo do ideal. Apesar de ocupar a terceira colocação na tabela de classificação e ter o quarto melhor ataque do torneio (35 gols), a equipe do Morumbi é a que tem a pior média de finalizações até o momento entre os 20 times.

Futura
Dagoberto é o jogador que mais chuta no São Paulo. Equipe é a que menos finaliza no Brasileirão
Siga o iG São Paulo no Twitter

A equipe paulista tem uma média de 11,7 chutes por partida, última colocada no quesito, de acordo com dados do Footstats . O líder nas finalizações é o Palmeiras , que arrisca, em média, 16,5 vezes contra o gol adversário. Em números absolutos, o São Paulo fica na frente do Santos (268 finalizações, contra 261 do time alvinegro), mas os tricolores têm duas partidas a mais.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e convide seus amigos

O fraco desempenho nas finalizações já foi detectado pelo técnico Adilson Batista, que, recentemente, avisou que está trabalhando para corrigir alguns erros e fazer com que seu time seja mais objetivo. Até porque o São Paulo lidera a estatística de passes certos - já são 91,6% de toques corretos, deixando o time em primeiro lugar no item. Ou seja, a equipe tem qualidade nos passes, mas não finaliza.

Um outro dado que mostra a falta de poder ofensivo são-paulino é o número de cruzamentos. Enquanto o Cruzeiro é o time que mais levanta bola na área adversária - média de 23,6 por partida -, o São Paulo, assim como nas finalizações, aparece na última colocação da estatística, com apenas 13 cruzamentos por jogo, em média.

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

Para o lateral esquerdo Juan , que efetua em torno de dois cruzamentos por jogo, a falta de uma referência no ataque prejudica o time. De acordo com o camisa 6, isso vai melhorar quando Luis Fabiano estrear. "A gente tem que ter uma chegada na área. E um jogador da qualidade do Luis vai ser fundamental, não só pela referência, mas pela qualidade que ele tem", avaliou.

O atleta são-paulino que mais chuta a gol é o atacante Dagoberto . Ele já finalizou 57 vezes nos 20 jogos que atuou no Brasileirão - média de 2,8 por partida -, mas não poderá jogar contra o Ceará, no próximo sábado. O camisa 25 está suspenso e só volta no clássico contra o Corinthians. Henrique e Willian José disputam a vaga do artilheiro do time na temporada.

Leia tudo sobre: São PauloBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG