Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

São Paulo cria comitê para prevenir doenças transmissíveis durante a Copa

Órgão quer evitar a proliferação de males como sarampo, catapora e rubéola durante o Mundial de 2014

Gazeta Esportiva |

Prevendo receber grandes grupos de turistas, tanto nacionais quanto internacionais, durante a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016, o Estado de São Paulo já está se mexendo para controlar a proliferação de doenças transmissíveis. A Secretaria de Estado da Saúde criou um Comitê Estadual de Saúde do Viajante para tratar do assunto durante a primeira Conferência Internacional de Epidemiologia, promovida pelo CVE (Centro de Vigilância Epidemiológica), que será realizada entre esta segunda-feira e terça-feira.

O comitê é formado por agentes municipais e estaduais da vigilância sanitária e epidemiológica do controle de doenças do Estado e dos serviços de medicina e atendimento ao viajante do Instituto de Infectologia Emílio Ribas, Hospital das Clínicas da FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), Unifesp e Hospital das Clínicas de Campinas.

O objetivo é criar medidas para orientar a população, fortalecer a detecção de doenças transmissíveis e evitar sua propagação no Brasil e em outros países. O comitê quer evitar a proliferação de doenças como sarampo, catapora e rubéola.

"O comitê também será a referência técnica estadual na temática da saúde do viajante, responsável pela troca de experiência com relação à prevenção e ao controle de agravos de importância em saúde pública incidente nesse grupo, atuando na notificação de possíveis riscos ou emergências e na elaboração de planos de preparação para eventos de massa", afirmou Ana Freitas Ribeiro, diretora do CVE.

Leia tudo sobre: copa 2014futebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG