Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

São Paulo aposta no retrospecto de Leão para bater o Palmeiras

Aproveitamento do treinador em clássicos é muito bom. Em oito jogos, apenas uma derrota

Mário André Monteiro, iG São Paulo |

Para continuar com chances de conquistar uma vaga na Copa Libertadores de 2012, o São Paulo terá dois duelos regionais pela frente no Campeonato Brasileiro . O primeiro é contra o Palmeiras , no domingo, no estádio do Pacaembu, e a equipe tricolor conta com Emerson Leão para superar o rival alviverde no clássico paulista.

AE
Emerson Leão, técnico do São Paulo
Siga o iG São Paulo no Twitter

Na primeira passagem pelo clube do Morumbi, entre 2004 e 2005, o treinador manteve uma boa média em clássicos. No comando tricolor diante das equipes grandes do estado de São Paulo, Leão disputou oito jogos, conquistando quatro vitórias, empatando três vezes e sofrendo apenas uma derrota - aproveitamento de 62,5% dos pontos.

Diante do Palmeiras, o treinador sabe que existe a possibilidade de um incentivo maior do adversário em querer tirar o São Paulo da briga pela Libertadores. "Todo presidente tem interesses próprios, e isso é altamente possível. Nós aqui temos objetivos e estamos correndo atrás de coisas maiores", disse Leão.

São Paulo está em 7º. Veja tabela do Brasileiro

O treinador são-paulino ainda brincou dizendo que marcará dois coletivos contra o Palmeiras antes da partida do fim de semana. "Como eles estão aqui do lado (os CTs de São Paulo e Palmeiras são vizinhos), vou conversar com o Felipão para fazermos um coletivo quarta aqui e sexta lá. Mas até domingo tudo vai ser falado, compete aos dois não alimentarem a rivalidade", falou.

Emerson Leão comentou também o fato do clássico ser disputado no estádio do Pacaembu, sendo que até pouco tempo, os jogos entre rivais da capital sempre eram jogador no Morumbi. "Os adversários usam do seu direito, não tem do que reclamar. Antes usavam o Morumbi porque cabia 120 mil pessoas. Tinha receita em cima disso, e hoje a receita vem da TV", disse.

E MAIS: Após longo período de desconfiaça, Fabuloso e Imperador ressurgem
LEIA TAMBÉM: Jean dá a volta por cima e reconquista a confiança no São Paulo

"A casa do São Paulo é o Morumbi e cada um tem que construir a sua casa. Quando eu treinava o Santos, queria jogar na Vila Belmiro, no Palmeiras eu queria jogar no Palestra Itália, na Portuguesa eu queria jogar no Canindé", completou o treinador.

Para o clássico na penúltima rodada do Brasileirão, Leão não poderá contar com o meia Lucas e o zagueiro Xandão, ambos suspensos. Além deles, Carlinhos Paraíba, machucado, não deve atuar. Em contrapartida, Wellington e Denilson, que não estavam à disposição contra o América-MG, podem ser escalados normalmente.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e deixe o clube em 1º lugar

 

Leia tudo sobre: São PauloBrasileirão 2011Emerson Leão

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG