Após o término da competição continental, time de Muricy Ramalho sofreu 27 gols e marcou apenas 20

Além de brigar na parte de baixo da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro , o Santos do segundo semestre apresenta outros pontos negativos. Após a conquista da Copa Libertadores da América, o time de Muricy Ramalho caiu de rendimento em relação ao desempenho da defesa e do ataque.

Antes de o Santos vencer o Peñarol por 2 a 1 na decisão da Libertadores, no dia 22 de junho, no estádio do Pacaembu, a equipe santista atuou 20 partidas. Foram 28 gols marcados e 14 sofridos. Com isso, Muricy recebeu vários elogios por ter concertado a defesa santista.

Siga o Twitter do iG Santos e receba notícias do time em tempo real

No entanto, os números atuais despencaram. O Santos pós Libertadores atuou em 15 jogos. Nesse período, o time da Vila Belmiro marcou 20 gols e sofreu 27. Muricy, que sempre aceitou os elogios por arrumar a defesa na Libertadores, não gosta de ouvir sobre o desempenho do setor no Brasileiro.

“Estamos jogando o futebol que gostam, de fazer gols, jogando mais aberto, é por isso (motivo de sofrer mais gols). Quando faz gols reclamam, quando tomam também reclamam”, disparou Muricy.

Entre para a Torcida Virtual do Santos e convide seus amigos

O treinador reconhece que a defesa sofre muitos gols em jogadas aéreas, e utiliza a estatura do elenco como justificativa. “Está melhorando, tem tomado gols de cabeça pelo aspecto físico da equipe, é um time pequeno. Estamos mais focados no campeonato”, disse.

Questionado sobre a postura tática da equipe, Muricy demonstrou irritação, e avisou que o time será bastante ofensivo contra o Avaí na próxima quarta-feira, em Santa Catarina. “Vai jogar com o que tem de melhor, o DNA de atacar, que é o que o Santos tem de melhor. Não tem mudança”, concluiu.

Ronaldinho Gaúcho se livra da marcação de Edu Dracena. Santos fez quatro gols, mas sofreu cinco na partida
Wander Roberto/VIPCOMM
Ronaldinho Gaúcho se livra da marcação de Edu Dracena. Santos fez quatro gols, mas sofreu cinco na partida


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.