Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Santos ignora assédio e espera contar com Maikon Leite em 2011

Dirigente diz que o clube não recebeu nenhuma proposta oficial e que aguarda pelo atacante na reapresentação, marcada para o dia 3 de janeiro

Gazeta Esportiva |

No que depender da direção do Peixe, o atacante Maikon Leite irá continuar na Vila Belmiro em 2011. Após disputar o último Campeonato Brasileiro pelo Atlético-PR, onde estava emprestado, o jogador se destacou e chamou a atenção de alguns clubes grandes do futebol brasileiro, caso principalmente do Palmeiras - o Corinthians também demonstrou interesse na sua contratação. 

O diretor de futebol do clube, Pedro Luiz Nunes Conceição, garantiu que nenhuma proposta foi apresentada pelo Palmeiras ou por qualquer outra equipe, desejando contar com o futebol do atacante na próxima temporada. Desta forma, os santistas esperam contar com Maikon Leite no dia 3 de janeiro do ano que vem, data de reapresentação do elenco para a próxima temporada.

"Nos não tivemos nenhuma proposta, nem de Palmeiras, Corinthians, ou qualquer outro time. Portanto, nós não podemos opinar sobre o interesse desses clubes no atleta. Apenas posso reiterar o nosso interesse em resolver essa situação", contou o dirigente, destacando a vontade dos santistas em renovar o vínculo de Maikon leite, que se encerra no dia 23 de junho de 2011.

Dona de 20% dos direitos econômicos do atacante, a cúpula alvinegra pretende, novamente, buscar um acordo com a empresa Luppi Participações e Investimentos, dona dos 80% restantes do direito de Maikon Leite, para assegurar a permanência do jogador Santos, independentemente de um acerto ou não quanto à sua renovação de contrato.

"Uma tentativa quanto a prorrogação do seu contrato foi feita na ocasião do empréstimo ao Atlético-PR (em maio deste ano), só que por algumas razões, não chegamos a um acordo com a empresa que detém 80% dos direitos econômicos dele. Vamos estudar esse assunto e analisar essa situação com calma", ponderou Nunes Conceição.

O próprio jogador emitiu um comunicado oficial através de sua assessoria de imprensa, nesta segunda-feira, apontando o seu desejo em cumprir contrato com o Peixe. No entanto, apesar disso, o técnico Adilson Batista se manteve cauteloso quanto à possibilidade de contar com Maikon Leite no ano que vem, devido ao número de interessados no atacante.

"O atleta precisa resolver outras situações antes de podermos dizer que ele irá jogar conosco. O Maikon volta para o Santos porque ele tem contrato com clube. Agora existem outras situações que não cabem a mim ficar analisando. A direção está cuidando desse caso", opinou o treinador, em entrevista à Rádio Cultura.

Leia tudo sobre: futebolsantos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG