Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Santos empresta oito jogadores para reequilibrar folha salarial

Empréstimos geram uma economia de R$ 400 mil mensais. Elano e Neymar recebem R$ 500 mil mensais cada

Samir Carvalho, iG Santos |

Futura Press
Marquinhos jogará no Avaí em 2011, e representará uma economia de R$ 100 mil mensais ao Santos
Além de anunciar cinco reforços – Elano, Jonathan, Charles, Aranha e Victor Hugo – para a disputa da temporada 2011, o Santos também priorizou emprestar alguns jogadores que não estavam nos planos do técnico Adilson Batista, com a intenção de “enxugar” a folha salarial do clube.

Desta forma, a diretoria santista emprestou oito jogadores: o meia Marquinhos foi para o Avaí, o lateral-direito Maranhão se transferiu para o Coritiba, o meia-atacante Madson ao Atlético-PR, o meia Breitner para o Figueirense, Zezinho ao Bahia, além do volante Jeferson, o lateral-esquerdo Wesley Santos e o atacante Renan Mota, que foram atuar por empréstimo no Santo André.

Além disso, o clube rescindiu o contrato do volante Roberto Brum e do atacante Marcel. A intenção da diretoria é reequilibrar a folha salarial, já que Elano e Neymar recebem cerca de R$ 500 mil mensais cada. Se não bastasse, a diretoria ainda negocia a renovação contratual do meia Paulo Henrique Ganso, que deverá receber o mesmo salário pago a Neymar e Elano.

Sendo assim, os dirigentes santistas agiram rápido para emprestar alguns atletas. No caso do empréstimo de Marquinhos, por exemplo, o clube terá uma redução de R$ 100 mil mensais, mesmo o Santos pagando 30% do ordenado. Já o restante dos empréstimos e dispensas representa uma economia de R$ 400 mil mensais.

Nesta temporada, o Santos deverá contar ainda mais com a ajuda da Teisa (Grupo Terceira Estrela Investimentos S.A), para ajudar no pagamento da folha salarial do clube. A Teisa, empresa criada por conselheiros do clube, já auxiliou a diretoria santista em 2010, principalmente para bancar o salário de Robinho no primeiro semestre, que recebeu cerca de R$ 1 milhão por mês.

 

 

 

Leia tudo sobre: santospaulo henrique gansoneymarelanomarquinhos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG