Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Santos confirma negociações entre Ganso e Corinthians

Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro disse que foi informado do interesse pelo presidente Andrés Sanchez

Samir Carvalho, iG Santos |

O presidente do Santos, Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro, confirmou que a DIS, braço esportivo do Grupo Sonda, ofereceu o meia Paulo Henrique Ganso para o Corinthians. O mandatário santista, inclusive, revelou que o presidente André Sanchez, entrou em contato com a diretoria santista para revelar o interesse da empresa em colocar o camisa 10 no arquirrival.

“O presidente do Corinthians me contou isso, mas as pessoas esquecem que o Ganso tem contrato até 2015 e assumiu esse compromisso, acreditamos na palavra e na boa fé do atleta”, afirmou o mandatário Luís Álvaro.

A intenção da DIS e do Corinthians é pagar a multa rescisória do atleta para clubes do futebol brasileiro, avaliada em R$ 66 milhões. Já para o futebol europeu, a multa está fixada em 50 milhões de euros (R$ 115 milhões).

O iG apurou que a negociação está em andamento há três semanas, período em que o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, esteve reunido com um grupo de investidores (Hypermarcas) para tentar convencê-los a comprar o camisa 10 do Santos, e repassá-lo ao Corinthians.

Em duas semanas, os empresários teriam arrecadado 80% do valor. O restante da quantia pode ser completado pelo atacante Ronaldo, interessado em investir na contratação de Ganso.

DIS e Corinthians, inclusive, chegaram a acertar o salário do jogador. Ganso receberia no Corinthians um salário aproximadamente de R$ 500 mil, quase quatro vezes mais do que recebe no Santos, já que o ordenado do atleta na Vila Belmiro não chega a R$ 130 mil.

A diretoria santista acredita que a DIS não conseguirá negociar o jogador ao Corinthians, pois o Santos não vai aceitar vender os 45% dos direitos econômicos que possui do atleta. Os empresários detém 45% dos direitos do jogador, e os 10% restantes pertencem ao próprio camisa 10.

"O grupo investidor ofereceu os direitos econômicos que ele tem no passe do atleta. Partes desses direitos são indiscutíveis, eles adquiriram do próprio atleta, e na parte que é do Santos vamos discutir. Ele pode sair e vender a parte dele para quem ele quiser, explicou Luís Álvaro.

A insatisfação do jogador com a atual diretoria do clube poderia facilitar a negociação com o Corinthians. Nesta temporada, o meia reclamou que não foi valorizado pelos dirigentes, e pediu um reajuste no ordenado. Isso porque, Ganso pretende receber um salário semelhante ao acordado com Neymar, considerado ao lado do camisa 10, a principal “estrela” da equipe.

Leia tudo sobre: santospaulo henrique gansocorinthians

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG