Em 12 jogos disputados pelo Santos na competição, oito não reuniram em campo Ganso, Neymar e Elano

O Santos chegou a final da Copa Libertadores da América, diante do Peñarol, do Uruguai , que será disputada nos dias 15 e 22 deste mês. Para isso, a equipe santista contou com o talento de três jogadores que foram convocados por Mano Menezes para defender a seleção brasileira na Copa América da Argentina: Neymar, Ganso e Elano . No entanto, o curioso é que os selecionáveis do elenco santista só atuaram juntos em quatro jogos da competição continental.

Ganso, Neymar e Elano defenderão a seleção brasileira na Copa América da Argentina
Divulgação
Ganso, Neymar e Elano defenderão a seleção brasileira na Copa América da Argentina

Desta forma, das 12 partidas disputadas pelo Santos na Libertadores até momento, oito delas não tiveram a presença de pelo menos um dos três ídolos santistas. Dos quatro jogos disputados pelo trio, três foram pela fase de grupos da competição: dois contra o Colo Colo e um contra o Deportivo Táchira. A outra partida foi diante do América, do México, pelas oitavas de final. O retrospecto é positivo, com três vitórias e apenas uma derrota, que aconteceu contra o Colo Colo, no Chile.

O principal motivo do desencontro dos três ídolos santistas foi a recuperação da cirurgia no joelho esquerdo do meia Paulo Henrique Ganso. Isso porque, o camisa 10 só estreou na derrota para o Colo Colo por 3 a 2, na terceira rodada da competição.

Se não bastasse, após voltar aos gramados, o meia sofreu um estiramento muscular na final do Campeonato Paulista, diante do Corinthians, e desfalcou o Santos nos duelos de ida e volta contra Once Caldas e Cerro Porteño, pelas quartas e semifinal, respectivamente.

Entretanto, Ganso não foi o único que causou o desencontro das estrelas. Pela fase de grupos, Neymar e Elano foram expulsos contra o Colo Colo, na Vila Belmiro, e não enfrentaram o Cerro Porteño fora de casa. Sendo assim, Ganso teve que brilhar sozinho na partida contra os paraguaios. Elano, lesionado, também não enfrentou o jogo de volta contra o América, do México, pelas oitavas de final.

A quinta partida de Neymar, Ganso e Elano ainda não está confirmada na decisão da Libertadores. Em fase final de recuperação, o camisa 10 está garantido no segundo jogo contra o Peñarol, mas o iG apurou que existe a possibilidade de Ganso voltar ao time na próxima quarta-feira, em Montevidéu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.