Tamanho do texto

Time pernambucano perdeu em Minas Gerais, e agora terá que contar com sua torcida para revertar a vantagem na decisão da Série D

O acesso à Série C do Campeonato Brasileiro, principal objetivo da temporada, já foi garantido pelo Santa Cruz, mas o time terá que usar novamente a força que ostenta em seu estádio para ser campeão da Série D . Neste domingo, a equipe pernambucana perdeu a primeira final para o Tupi por 1 a 0, em Minas Gerais, e precisará ganhar por, no mínimo, dois gols de diferença no Recife, no próximo fim de semana, para levantar a taça.

O atual dono do título estadual em Pernambuco sofreu o único gol da partida aos 42 minutos do primeiro tempo, quando Ademilson completou lançamento a favor dos anfitriões em Juiz de Fora (MG). Os nordestinos não conseguiram mais criar oportunidades como antes e acabaram derrotados.

O Tupi, conhecido como Galo da Carijó, será campeão da Série D se até com derrota por desvantagem mínima caso balance as redes no próximo domingo, em um Arruda provavelmente lotado. Ao Tricolor só resta vencer por dois gols de diferença. Vitória por 1 a 0 do Santa Cruz levará a definição para os pênaltis.

As duas equipes já estão garantidas na Série C do Brasileiro em 2012, assim como Oeste-SP e Cuiabá-MT, derrotados nas semifinais da atual edição da Série D.

O jogo
Em casa, o Tupi tentou dominar as ações ofensivas desde o primeiro minuto, mas o Santa Cruz, com ímpeto ofensivo, conseguiu equilibrar e criar as principais chances. O ataque dos pernambucanos, entretanto, não aproveitava as oportunidades, desperdiçadas principalmente por Flávio Caça-Rato.

Os anfitriões, contudo, não se intimidaram. E foram bem mais eficientes. Ademilson, que já criava muitos problemas aos visitantes, dominou na área um lançamento de Marquinhos aos 42 minutos do primeiro tempo e tocou na saída do goleiro Tiago Cardoso.

O técnico Zé Teodoro renovou sua força ofensiva trocando Fernando Gaúcho, decisivo na caminhada do Santa Cruz na quarta divisão, por Kiros. Acabou perdendo entrosamento, sem chegar como no primeiro tempo ao ataque, e facilitou o trabalho do Tupi de segurar um placar interessante, já que venceu sem sofrer gols.