Eu menti? - Futebol - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Sanchez não se arrepende de provocação ao Flu: Eu menti?

Presidente corintiano cutucou o atual campeão brasileiro dizendo que seu time voltou pela porta da frente, em alusão à virada de mesa que trouxe de volta o time carioca à elite do futebol brasileiro em 2000

Gazeta Esportiva |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882264930&_c_=MiGComponente_C

O presidente Andrés Sanchez não se arrependeu da polêmica que protagonizou na festa de premiação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na segunda-feira. No dia seguinte, o mandatário do Corinthians foi à cerimônia do Troféu Mesa Redonda , da TV Gazeta , e reforçou a sua provocação ao Fluminense.

No evento da CBF, Sanchez lembrou da virada de mesa que trouxe o clube carioca de volta à Série A do Campeonato Brasileiro, em 2000: "Quero dar meus parabéns ao Fluminense, ao Coritiba e ao ABC-RN, campeões nacionais. O meu time também já foi rebaixado e sei como é importante voltar pela porta da frente".

Os torcedores do Fluminense presentes no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, então, vaiaram veementemente Andrés Sanchez. O dirigente, assim como outros corintianos, já havia sido bastante hostilizado na festa da CBF. Os gritos de "sem ter nada" (em referência ao centenário do Corinthians, sem títulos no futebol profissional) ecoaram bastante no local.

Para Sanchez, o fato de seu discurso irritar a torcida do Fluminense só o torna mais verdadeiro. "Eu menti? Não? Então, pronto", afirmou, orgulhoso. "A carapuça serviu", acrescentou.

Mas o presidente do Corinthians também ponderou que só deu uma resposta aos tricolores. "Eles estavam vaiando todo mundo antes de eu falar. Era uma festa de confraternização da CBF, não só para eles. Não me incomodo com vaias. Não sendo da minha torcida, não tem problema nenhum", concluiu.

Ainda no Theatro Municipal, Sanchez entrou em atrito outra vez com torcedores do Fluminense. Ele chamou os rivais de "bambis" depois que um grupo de pessoas quis tirar satisfação por causa da menção à virada de mesa. 

Leia tudo sobre: campeonato brasileirocorinthiansfluminense

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG