Gerente de futebol diz que jovens vivem boa fase e terão plano de carreira no clube alviverde

O gerente de futebol César Sampaio tem andado com a agenda cheia no Palmeiras . Enquanto tenta acertar os últimos detalhes da contratação do meio-campista Wesley , o dirigente vem se desdobrando para dar atenção aos jovens valores da base palmeirense e, ao mesmo tempo, viajar para procurar novos jogadores para o técnico Luiz Felipe Scolari .

MERCADO: Sampaio espera acertar com Wesley até sexta e nega negócio com Nilmar

Gazeta Press
Sampaio e Galeano buscam novos jogadores
"Estamos acompanhando muito a base, nosso time sub-17 é muito bom. Estamos fazendo plano de carreira para os meninos, que foram vice-campeões agora no Sul", disse Sampaio ao "Sportv". Ele se referia ao segundo lugar do Palmeiras na Copa Santiago, torneio de juniores disputado no Rio Grande do Sul. O time alviverde fez ótima campanha, mas foi derrotado na decisão pelo Internacional .

DESFALQUE: Com exames marcados no Palmeiras, Luan reclama das dores no pé

Ao lado do coordenador técnico Galeano, César Sampaio também tem viajado para procurar novos jogadores para o técnico Luiz Felipe Scolari. Na última semana, ele foi ao Rio Grande do Sul, mas não se interessou por nenhum dos observados. Segundo o gerente de futebol palmeirense, o clube agora contratará apenas jogadores cujo perfil agradem Felipão, diminuindo a chance do reforço tornar-se um problema.

LATERAL ARTILHEIRO: Artur elogia Assunção e segue prometendo 10 gols pelo Palmeiras

"Hoje, eu já sei a característica de jogador que o Felipão gosta, não só na parte da técnica, mas também na personalidade. Aí, a chance de errar a contratação é bem menor. Às vezes a gente olha um cara e pensa 'nossa, ele é bom pra caramba, olha como ele dribla'. Mas não é só isso que interessa. Nessa loucura que é montar time, a gente busca alguém que possa dar resultado a curto prazo", afirmou Sampaio.

TRABALHO: Na reapresentação, Palmeiras faz treino com reservas e time B

O braço-direito de Luiz Felipe Scolari ainda elogiou as contratações do Palmeiras para 2012: "Ano passado, passamos um momento de dificuldade com a saída do Kleber , que era a referência. O time passou a depender muito do Valdivia . A base de 2012 é a mesma do ano passado, mas qualificamos bem o elenco, dando ao Felipão mais jogadores para enfrentar as dificuldades das competições", disse.

Ajude o Palmeiras a aumentar sua torcida virtual

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.