Tamanho do texto

Adalberto Baptista, diretor de futebol, diz que atual treinador do Grêmio se ofereceu ao clube paulista

null


Aproveitando o clima bom após a vitória por 4 a 0 contra o Ceará e também a derrota sofrida pelo Grêmio por 4 a 0 contra o Vasco , o diretor de futebol do São Paulo , Adalberto Baptista afirmou que Celso Roth, hoje comandando a equipe do Olímpico, se ofereceu muitas vezes ao time do Morumbi, até mesmo enquanto Paulo César Carpegiani estava no comando.

"Não temos problema. O que pode ter acontecido é que ele se ofereceu muito para trabalhar no São Paulo, mas não atende ao nosso perfil. Então não queremos contar com ele. Se ofereceu muitas vezes recentemente, inclusive quando o Carpegiani estava no comando", relatou Baptista.

Siga o Twitter do iG São Paulo e receba as notícias do seu time em tempo real

Na última semana, o Grêmio venceu o São Paulo, e Celso Roth aproveitou a ocasião para poder alfinetar o time paulista e também o trabalho que está sendo feito atualmente por Adilson Batista. Ainda na sala de coletiva, Adalberto dise que espera o clássico de quarta-feira com especial atenção e aproveitou para cutucar Palmeiras e Santos, outros rivais paulistas do São Paulo.

Coloque seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte

"Ultimamente, o clássico contra o Corinthians está muito polarizado, especialmente pelo lado deles, que querem muito nos vencer. É normal que fique polarizado, assim como tem no Rio Grande do Sul, com Inter e Grêmio, em Minas, com Cruzeiro e Atlético-MG, no Rio, com Vasco e Flamengo, e agora em São Paulo, com Corinthians e São Paulo. É bom porque estamos polarizados por cima e não por baixo, perdendo título ou caindo para a segunda", completou.

Nesta quarta-feira, às 21h50, o São Paulo recebe o Corinthians no Morumbi para o clássico decisivo para a classificação do Campeonato Brasileiro deste ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.