Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Roth: "O plantel do Inter está entre os melhores que trabalhei"

Chegada dos novos reforços deixam o treinador ainda mais confiante para disputar a temporada de 2011

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Gabriel Cardoso
Roth com Tinga e Kléber na reapresentação do elenco para a temporada de 2011
O técnico Celso Roth considera o atual elenco do Inter um dos melhores que ele já trabalhou em toda a carreira. Os reforços de Zé Roberto, Cavenaghi e Bolatti qualificam ainda mais o grupo que foi campeão da Libertadores e terceiro colocado no Mundial do ano passado. Por isso o comandante gaúcho confirma a qualidade do plantel que tem em mãos. “Se não é o melhor é um dos”, disse Roth.

Nascido na cidade de Caxias do Sul, ele foi preparador físico do Juventude na década de 80. O primeiro trabalho como treinador foi em 1988 no Al Qadsia do Kuwait. De lá pra cá já mudou de emprego mais de 20 vezes e recordou os melhores elencos que já teve.

“Trabalhei no primeiro semestre do Palmeiras em 2001, após romperem a parceria coma Parmalat, e foi um bom grupo”, lembrou. O time não chegou a ganhar títulos, mas tinha entre outros jogadores: O goleiro Marcos, o lateral Arce, o volante Galeano, os meias-atacantes Pedrinho e Alex e o atacante Tuta.

“O Grêmio de 2000 tinha muita qualidade. Tinham contratações muito boas, e ainda o Ronaldinho, Paulo Nunes, Zinho, Amato, Astrada, Warley”, contou.

Com a chegada dos novos reforços, o Inter de 2011 terá 4 argentinos no plantel. O bom momento de D´Alessandro e Guiñazu nos últimos anos abriu a porta para os compatriotas Cavenaghi e Bolatti. Celso Roth poderá utilizar todos os estrangeiros na Libertadores, mas terá que tirar um no Brasileirão, pois apenas três podem atuar em cada jogo da competição nacional. Os gaúchos enfrentam o Emelec, dia 16, no Equador pela estreia da competição continental.
 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG