Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Roth garante que eleições do Inter não interferem dentro de campo

Não temos nada a ver com esta situação, somos funcionários do clube, disse o treinador

Gazeta Esportiva |

O clima anda acirrado na campanha à presidência do Internacional. Desde que foi anunciado o segundo turno entre Giovanni Luigi e Pedro Affatato, trocas de acusações via imprensa ou em propagandas em veículos de comunicação do Rio Grande do Sul viraram uma constante.

O clima pesado, no entanto, não interfere no trabalho dos profissionais do futebol do clube. Quem garante é o próprio técnico Celso Roth: "não temos nada a ver com esta situação, somos funcionários do clube. Claro que acompanho este processo, mas não cabe dar opinião", limitou-se a comentar Roth sobre o pleito, que ocorre dia 4 de dezembro, quatro dias antes da viagem a Abu Dhabi.

Nesta terça, os jogadores voltaram às atividades no Beira-Rio. Embora haja a expectativa de que os titulares atuem contra o Vitória, no domingo, Roth ainda não confirmou oficialmente a equipe, embora garanta que já esteja encaminhado. "Não é um jogo-chave, já temos um planejamento desde a Libertadores. Não posso dizer ainda qual é o time", afirmou, enigmático.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirointernacional

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG