Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Rosenberg diz que marketing corintiano torce por chegada de Adriano

Apesar de desmentidos de Andrés Sanchez, diretor de marketing insinua que as negociações com atacante estão encaminhadas

Gazeta Esportiva |

O presidente Andrés Sanchez desmentiu que o Corinthians esteja negociando com o atacante Adriano, que pertence à Roma. Nesta quinta-feira, porém, o diretor de marketing do clube alvinegro, Luis Paulo Rosenberg, deu novos indícios de que o "Imperador" está na mira.

Em entrevista à Rádio Globo, o dirigente afirmou que o departamento de marketing não está à frente das negociações pela chegada do jogador, mas não desmentiu que o clube já tenha mantido conversas com o centroavante, a exemplo do que havia confirmado o novo diretor de futebol do clube, Roberto de Andrade.

Rosenberg ainda mostrou-se animado com as ações que seu departamento poderia promover em caso de acerto com o ex-flamenguista, mas fez ressalvas. "O marketing torce para que ele tenha a mesma postura que teve o Ronaldo desde que chegou, sem criar problemas. Que o Corinthians ajude na recuperação do Adriano, o que seria uma grande vitória para o clube e também para a família do jogador", declarou Rosenberg.

De acordo com Andrés Sanchez, uma conversa de Adriano com o amigo Ronaldo foi responsável por promover a especulação. Ainda segundo o mandatário, o Corinthians não tem condições financeiras de tirar o atleta da Roma, a não ser que ele seja liberado pelos italianos. Adriano, por sua vez, declarou à imprensa local que seu desejo é ficar no clube, pelo qual ainda não marcou gols.

Defederico - Contratado junto ao Huracán no segundo semestre de 2009, o argentino chegou com status de 'Novo Messi' e logo vestiu a camisa 10 do clube, tornando-se uma das maiores esperanças para este ano. Na ocasião, o departamento de marketing teve participação fundamental na negociação, mas acabou frustrado pelo rendimento ruim do jogador.

Prestes a ser emprestado, Defederico ainda tem a confiança de Rosenberg. "Ele é um grande jogador e o marketing teve participação em sua chegada. O momento agora é de ir para outro clube e voltar com toda a bala e toda força que esperávamos dele", disse o diretor.

Leia tudo sobre: corinthiansfutebolmercado da bola

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG